Menu
Busca sexta, 07 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Para Mantega, Orçamento de 2005 reflete crescimento da economia

01 setembro 2004 - 08h12

O Orçamento Geral da União para 2005 será o marco da consolidação do crescimento econômico brasileiro, segundo avaliação do ministro do Planejamento, Guido Mantega.O ministro entregou hoje o projeto de Lei Orçamentária para 2005 ao Congresso. A proposta estabelece receitas de R$ 457,4 bilhões e despesas de R$ 342,1 bilhões.O projeto prevê despesas de custeio e capital, que inclui investimentos, de R$ 114,2 bilhões. Desse total, os ministérios terão R$ 109,7 bilhões.A previsão de receitas cresceu R$ 47,2 bilhões em relação ao orçamento deste ano e a de despesas, R$ 45 bilhões.Para Mantega, a principal característica do Orçamento de 2005 é a garantia da retomada do desenvolvimento com distribuição de renda. Ele também citou a ampliação dos investimentos em programas sociais e a redução das desigualdades regionais.Guido Mantega afirmou que, no próximo ano, haverá diminuição da carga tributária brasileira. Segundo ele, é objetivo do governo trazer a carga administrada pela Receita Federal para 16,34%."O aumento da arrecadação se dará com a diminuição da carga e com crescimento econômico", disse Mantega, citando também a implementação de ações para intensificar a fiscalização e evitar fraudes.As despesas com custeio e investimentos do Executivo passarão de R$ 97,9 bilhões para R$ 109,7 bilhões.Mantega afirma que o governo tem se esforçado para ampliar os investimentos, reduzindo os gastos com o custo da administração.Para 2005, o projeto de lei prevê investimentos de R$ 11,4 bilhões, contra R$ 7,7 bilhões deste ano.Guido Mantega informou que o governo está levantando diversos projetos chamados "investimentos extraordinários", que têm como característica a rentabilidade, que poderão ser retirados da contabilização da meta de superávit primário.Com as duas iniciativas, a previsão do governo é que os gastos com investimentos possam atingir R$ 15,8 bilhões. Segundo Mantega, a meta do governo é que o total de investimentos --incluindo governo e as estatais-- chegue a R$ 40,1 bilhões, contra R$ 35,4 bilhões deste ano. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Após colidir com moto em poste, jovem morre no HV
DOURADOS
Após colidir com moto em poste, jovem morre no HV
Unidades educacionais tem espaço ideal para divulgar serviços no caderno "Educação" do Dourados News
EDUCAÇÃO
Unidades educacionais tem espaço ideal para divulgar serviços no caderno "Educação" do Dourados News
PF deflagra operação contra o tráfico após flagrar homem recebendo ecstasy via Correios
ESCOBART
PF deflagra operação contra o tráfico após flagrar homem recebendo ecstasy via Correios
Casal em moto morre após colidir contra carreta na MS-145
REGIÃO
Casal em moto morre após colidir contra carreta na MS-145
Prefeitura corrige decreto e dá mais duas horas de expediente ao comércio no sábado
DOURADOS
Prefeitura corrige decreto e dá mais duas horas de expediente ao comércio no sábado
BR-163
Viatura da PRF estava com três ocupantes quando colidiu contra carreta em rodovia
TRÂNSITO
Detran/MS promove nesta sexta-feira "live" sobre o Maio Amarelo
CLIMA
Dourados tem previsão de frio recorde no fim de semana
BR-163
Colisão entre viatura e carreta termina com policial ferido
IMUNIZAÇÃO
Capital já vacinou o equivalente à população inteira de Dourados contra Covid-19

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher presa com armas, drogas e veículos mantinha relacionamento com interno da PED
DOURADOS
Pancadaria em motel termina na delegacia com três pessoas detidas
JÓQUEI CLUBE
Jovem é presa em Dourados com armamento de uso restrito, drogas e veículo clonado
DOURADOS
Carga de tijolos cai de caminhão em rotatória na Coronel Ponciano; veja vídeo