Menu
Busca quinta, 16 de julho de 2020
(67) 99659-5905
AGRONEGÓCIO

Maiores produtores de soja do Estado ainda não concluíram plantio

20 novembro 2019 - 10h49Por André Bento

O mais recente levantamento do SIGA-MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio) mostra que os principais produtores de soja de Mato Grosso do Sul ainda não concluíram o plantio da safra 2019/2020. Em todo o Estado, até o dia 15 de novembro haviam sido cultivados 73,4% dos 3,163 milhões de hectares estimados.

Maior produtor estadual dessa commoditie, conforme a Pesquisa Agrícola Municipal divulgada em setembro pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), Maracaju, que colheu 1.083.060 toneladas na safra anterior, semeou neste ciclo, até agora, pouco menos de 90% da área destinada a essa cultura.

Segundo município sul-mato-grossense que mais produziu soja em 2018, também segundo o IBGE, com 787.200 toneladas, Sidrolândia está prestes a alcançar 90% de plantio.

Ponta Porã, produtor de 774.000 toneladas na safra passada e que figura na terceira colocação do ranking estadual elaborado a partir da Pesquisa Agrícola Municipal, ainda não semeou 80% do estimado para a atual.

Consolidado quarto maior produtor sul-mato-grossense de soja, Dourados, que elevou de 575.700 toneladas para 612.000 toneladas o volume colhido entre 2017 e 2018, agora tem pouco mais de 50% da área plantada.

De acordo com o Boletim Casa Rural da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), a região centro está com o plantio mais avançado, em média 77,2%, enquanto a região norte está com 72,5% e a região sul com 72,4% de média.

“A área plantada até o momento, conforme estimativa do Projeto SIGA, é de aproximadamente 2,322 milhões de hectares”, detalha, acrescentando que “a porcentagem de área plantada na safra 2019/2020, encontra-se inferior em aproximadamente 24,67%, em relação à safra 2018/2019, para a data de 15 de novembro”.

Embora resolução da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (IAGRO) tenha estabelecido que neste ano o plantio da soja deveria ocorrer entre 16 de setembro e 31 de dezembro, produtores sul-mato-grossenses atrasaram o início do cultivo por causa da falta de chuvas.

O setor rural do Estado estima que sejam cultivados 3,163 milhões de hectares, com produção aproximada de 9,906 milhões de toneladas e produtividade média de 52,19 sacas por hectare.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LEGISLATIVO DE MS
Lei que garante reserva de vagas na Uems aos residentes no Estado é sancionada
EDUCAÇÃO
Matrícula dos aprovados na primeira chamada do Sisu começa hoje
CORUMBÁ
Rapaz invade casa da ex e mata namorado dela a facada
CAMPO GRANDE
Homem é executado durante a madrugada em favela
PANDEMIA
Com 39%, Dourados registra taxa de isolamento mais baixa da semana
POSTO CAPEY
Mulher é presa carregando drogas em táxi na BR-463
TRÂNSITO
Motociclista tenta ultrapassagem, é atingido por caminhão e morre
DOURADOS
Decreto criando o Comitê de Gerenciamento de Crise da Covid-19 completa quatro meses
LEGISLATIVO DE MS
Deputados devem apreciar seis matérias nesta quinta-feira
BR-463
Jovem é presa em barreira sanitária após ser flagrada transportando drogas em ônibus

Mais Lidas

DOURADOS
Criança baleada por atirador em noite sangrenta morre no hospital
PANDEMIA
Prefeita de Dourados, Délia Razuk testa positivo para coronavírus
INFORME PUBLICITÁRIO
Chama reinaugura supermercado em novo endereço com novidades e promoções
DINHEIRO PÚBLICO
Gaeco faz operação em Dourados e vai à casa de ex-secretária de Saúde