Menu
Busca quarta, 01 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Lei Geral beneficia mais de 50 mil empresas no MS

18 dezembro 2012 - 14h45

A Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, instituída no Brasil em 2006, prevê tratamento diferenciado a micro e pequenas empresas de todo o país. No Mato Grosso do Sul, até agora, 63 municípios possuem as normas regulamentadas e 17 deles cumprem de fato todas as exigências previstas na Lei Complementar nº 123/06.



Segundo dados do Sebrae no MS, isto significa benefícios a 53.629 empreendimentos, que geram 357.275 postos de trabalho e influenciam uma população de mais de 1,2 milhão de pessoas.



“Ao cumprir esta obrigação promove-se o dinamismo da economia, com melhoria na qualidade de vida do cidadão, já que surgem oportunidades de negócios e consequentemente maior número de pessoas com carteira assinada”, destaca Jorge Tadeu Veneza, técnico da entidade no Estado.



As evidências analisadas pelo Sebrae para constatar se o município tirou ou não a lei do papel compreendem desde decretos e editais de licitação, que preveem tratamento especial às empresas de pequeno porte nas compras governamentais, até parcerias com entidades com o objetivo de promover treinamentos; entre outras formas de incentivo aos empresários.



####Papéis fundamentais



Função prevista também em lei está o Agente de Desenvolvimento, responsável por promover as ações de apoio aos pequenos negócios. “Onde atua efetivamente esse profissional, tem uma família vivendo melhor. Acreditamos que são os responsáveis por colocar na agenda do prefeito ações de desenvolvimento pela inclusão produtiva”, destaca Cláudio Mendonça, diretor superintendente do Sebrae no MS.



Incorporada ainda à legislação anos depois, a figura do empreendedor individual representou mais uma vitória, desta vez, àqueles que empreendiam na informalidade. Hoje, Mato Grosso do Sul conta com 42.795 pessoas que se enquadram nesta modalidade.



####Reconhecimento



Durante a ExpoCidades, Congresso para o Desenvolvimento dos Municípios, que aconteceu no início deste mês em Campo Grande, prefeitos dos 17 cidades sul-mato-grossenses que atenderam às normas receberam o ‘Selo de Implementação da Lei Geral’.



“Estamos homenageando aqueles que conseguiram priorizar os pequenos negócios como grande gerador de empregos”, destacou na ocasião o diretor superintendente do Sebrae no MS, Cláudio Mendonça.



Receberam a homenagem os líderes municipais das seguintes localidades: Aral Moreira, Aparecida do Taboado, Bodoquena, Caarapó, Campo Grande, Chapadão do Sul, Dourados, Inocência, Itaquiraí, Ivinhema, Maracaju, Nioaque, Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo, Rio Negro, Sidrolândia e Sonora.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Dono de apartamento deve indenizar vizinhos em R$ 20 mil por infiltrações
BRASILÂNDIA
Bêbado, homem bate no enteado de seis anos, agride esposa e vai preso
CONCURSO
Ebserh publica edital para contratação de até 6 mil profissionais
SELVÍRIA
Polícia descobre falso site de leilões e recupera R$ 22 mil de golpe
AUXÍLIO
Bolsonaro assina lei que cria ajuda de R$ 600 a informais, mas veta 3 trechos
DISSEMINAÇÃO
Paraguai proíbe viagens de carro pelo país em prevenção ao coronavírus
ECONOMIA
Prazo para entrega da declaração do IR é prorrogado para 30 de junho
COVID-19
Familiares de casal que testou positivo para coronavírus em Dourados são monitorados
DOURADOS
Homem é preso após furtar produtos de supermercado no Flórida
BALANÇO DIVULGADO
Número de casos de covid-19 no Brasil chega a 6.836 e mortes somam 240

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
DOURADOS
Homem leva surra de populares e é detido por furtar dois veículos em Dourados
COVID-19
MS tem oito confirmações de coronavírus em 24h e suspeitos chegam a 51