Menu
Busca quarta, 25 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
NINHO DO URUBU

Juiz manda Flamengo pagar pensão às famílias de mortos em incêndio

05 dezembro 2019 - 19h20Por G 1

A Justiça do Rio de Janeiro determinou que o Clube de Regatas do Flamengo deverá pagar pensão mensal de R$ 10 mil a cada uma das famílias dos dez jovens mortos no incêndio ocorrido no Centro de Treinamento do Ninho do Urubu, em fevereiro deste ano.

A decisão liminar – provisória – atende a pedido da Defensoria Pública (DPRJ) e do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), em processo em curso na 1ª Vara Cível da Barra da Tijuca.

"A decisão é extremamente importante pois assegura às famílias dos meninos mortos um valor provisório para sua manutenção financeira, até que haja o pagamento das indenizações devidas pelo clube", afirmou Cintia Guedes, defensora pública e coordenadora cível da DPRJ,.

Além dos familiares dos jovens, o Flamengo também terá que incluir na folha de pagamento do clube outros três atletas feridos no acidente.

Caso descumpra a ordem, o clube está sujeito a uma multa diária de R$ 1 mil para cada beneficiário negligenciado. De acordo com a decisão, o clube também terá de pagar os valores referentes aos meses já decorridos desde o incêndio.

Em nota, o Flamengo informou que ainda não foi comunicado da decisão.

No despacho o juiz Arthur Eduardo Magalhaes Ferreira destacou que o Flamengo não cumpriu "espontaneamente", "de forma parcial e provisória", "a responsabilidade de prestar apoio às vítimas diretas e indiretas do incêndio, conforme manifestação que anexou no processo".

O juiz determinou o pagamento da pensão de forma imediata, mas negou o pedido de bloqueio dos valores para a indenização.

De acordo com o magistrado, "quanto maior é o sucesso alardeado das finanças do réu, maior é sua capacidade de arcar, sem sobressaltos, com a recomposição dos danos causados à família das vítimas, nesse momento desprovidos de importante (quiçá única) fonte de sustento familiar".

Deixe seu Comentário

Leia Também

Com mais de 6,4 mil casos de coronavírus sem encerramento, Secretário cobra municípios
PANDEMIA 
Com mais de 6,4 mil casos de coronavírus sem encerramento, Secretário cobra municípios
Transição começa reunindo primeiro escalão e agenda montada para outras secretarias
DOURADOS
Transição começa reunindo primeiro escalão e agenda montada para outras secretarias
TSE alerta para eleitor não baixar e-Título no dia do segundo turno
BRASIL
TSE alerta para eleitor não baixar e-Título no dia do segundo turno
Aumentar doações de sangue na pandemia é principal desafio no Dia Nacional do Doador
BOA AÇÃO
Aumentar doações de sangue na pandemia é principal desafio no Dia Nacional do Doador
CRIME BÁRBARO
Advogado é preso suspeito de pagar pais para abusar de adolescente
PANDEMIA 
MS confirma quase mil casos de coronavírus e apresenta aumento de 70% nas internações
MACAÚBA
Alegando caçar tatu, homem é preso com espingarda de pressão modificada
ARTIGO
Pais e filhos
SAÚDE
Cassems realiza nona edição do 'Encontro de Gestores de RH' nesta quarta
MS-156
Veículo com 115 kg de maconha pega fogo às margens da rodovia

Mais Lidas

VIOLÊNCIA
Mulher esfaqueia ex após discussão em hotel no Centro de Dourados
ENTERPRISE
Operação contra tráfico internacional de cocaína cumpre mandado de prisão em Dourados
CAPITAL
Funcionária de restaurante é presa em flagrante após furtar dinheiro do caixa
CRIME BÁRBARO
Suspeita de esquartejar e colocar corpo de namorado em malas se entrega à polícia