Menu
Busca quarta, 04 de agosto de 2021
(67) 99257-3397
ECONOMIA

Indústria de MS gera mais de 6 mil novos empregos em um ano

22 junho 2021 - 12h31Por Da Redação

Desde que as primeiras contaminações pelo coronavírus causador da covid-19 começaram a ser registradas no Brasil, a ameaça de desemprego era revelada como uma das principais consequências da iminente crise econômica. Na indústria sul-mato-grossense, contudo, o cenário foi o inverso e no período de março de 2020 e março de 2021, foram registradas 6.487 vagas formais de emprego, resultado de 67.516 contratações e 61.029 desligamentos.

Com isso, a indústria de Mato Grosso do Sul foi o segundo setor econômico que mais gerou empregos no período, ficando atrás apenas do comércio, que gerou 6.929 vagas formais. O segmento industrial ficou, ainda, à frente do setor de serviços, que respondeu por 6.129 vagas, e agropecuário, que gerou 961 postos de trabalho. O resultado corresponde ainda a 32% dos empregos criados em Mato Grosso do Sul no período indicado.

Em um ano de pandemia, as empresas que mais geraram empregos são as ligadas ao abate de suínos (1.468), abate de aves (1.213), fabricação de celulose (776), fabricação de açúcar (350), fabricação de óleos vegetais (264), construção (236) e fabricação de refrigeradores (175). Na avaliação do presidente da FIEMS, Sérgio Longen, a indústria vem se ajustando às novas necessidades de produção decorrentes da pandemia e soube continuar produzindo, apesar das dificuldades. 

“Nós tivemos um cenário favorável em 2020 e fomos surpreendidos pela nova onda da covid-19 em 2021, mas de certa forma, a indústria vem se ajustando. E isso acabou por dar uma tranquilidade para a população em termos de suprimento com a indústria funcionando. A indústria vai bem aqui. Em contrapartida, em outros estados nem tanto. Esses números demonstram que o Sistema Indústria em Mato Grosso do Sul está no caminho certo”, avalia Longen.

Mato Grosso do Sul tem o ambiente favorável para atrair negócios

Para o secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, os números refletem o trabalho desenvolvido pelo governo do Estado em conjunto com a FIEMS para criar em Mato Grosso do Sul um ambiente favorável aos negócios. “E um dos pontos importantes é que temos um foco muito grande no emprego. E o emprego obriga à procura por qualificação e o Sistema S está pronto para essa questão. Acho que o grande ganho também do Estado é essa parceria entre poder público e privado.

Eduardo Riedel, secretário de Estado de Infraestrutura, também reforçou que as ações que permitiram a criação de novas vagas de emprego. “Nós usamos um bordão que sempre foi trocar impostos por emprego. E a FIEMS nos ajudou a construir essa equação. Uma política fiscal mais arrojada gera oportunidades para a população. São oportunidades de emprego, de formação, de educação e aí entra todo o Sistema S dando suporte para esse ambiente de desenvolvimento”.

Na mesma linha, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Paulo Corrêa, ressaltou que o crescimento do setor industrial é o melhor tipo de política social que pode ser feita. “Porque isso gera emprego e renda. Não é à toa que o gasto do governo de Mato Grosso do Sul é o maior per capita do País e isso nos orgulha, porque estamos conseguindo gastar de forma inteligente os recursos que chegam a nós por meio de investimentos”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Governo amplia número de vagas do último concurso da Agepen
Passageira dorme em ônibus e só descobre furto das malas na rodoviária
SELIC
Copom eleva juros básicos da economia para 5,25% ao ano
Golpistas que teriam contratado andarilho para sacar empréstimo são presas
LOTERIA
Veja as dezenas do concurso 2.396 da Mega-Sena, prêmio de R$ 46 milhões
FORTALEZA
PF apreende jatinho com mais de uma tonelada de cocaína em aeroporto
NÚMEROS DA PANDEMIA
Sob ameaça da variante delta, Brasil ultrapassa 20 milhões de casos de Covid
AQUIDAUANA
Padrasto é condenado a 14 anos de prisão após estupro de enteada
FUTEBOL
STJD aceita pedido do Flamengo e libera volta do público aos estádios
BATAYPORÃ
Juiz nega quebra de sigilo bancário de ex-líder do PSL assassinada

Mais Lidas

DOURADOS
Assessora vai à polícia e diz que foi ameaçada de morte por vereadora
DOURADOS
Após ideia da filha, empresária cria 'varal comunitário' para ajudar quem tem frio
MORTE A ESCLARECER 
Encontrado inconsciente em praça, idoso morre no HV após passar uma semana internado
DOURADOS 
Usuário de drogas procura delegacia após ser assaltado em boca de fumo