Menu
Busca terça, 01 de dezembro de 2020
(67) 99659-5905
COTAÇÃO

Dólar fecha abaixo de R$ 5,60 com recuperação da China e otimismo sobre vacina para Covid-19

19 outubro 2020 - 16h29Por G 1

O dólar fechou em queda nesta segunda-feira (19), tendo no radar dados sobre a recuperação da economia chinesa e maior otimismo em relação a uma vacina para o coronavírus e a um novo pacote de estímulo nos Estados Unidos.

A moeda norte-americana caiu 0,77%, vendida a R$ 5,5997. No mês, passou a ter queda de 0,33%. No ano, tem valorização de 39,65%.

Na sexta-feira (15), a moeda norte-americana encerrou o dia com alta de 0,30%, cotada a R$ 5,6430 — maior valor de fechamento desde 2 de outubro, quando ficou em R$ 5,6688. Com isso, acumulou alta de 2,12% na semana passada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ministério da Saúde concluirá plano de vacinação após registro de imunizantes
PANDEMIA 
Ministério da Saúde concluirá plano de vacinação após registro de imunizantes
MATO GROSSO DO SUL
Reinaldo pede inclusão de rodovia Sul-fronteira no Orçamento da União
Aprovado projeto do deputado Marçal Filho que identifica autistas no RG
ALEMS
Aprovado projeto do deputado Marçal Filho que identifica autistas no RG
DIREITOS
Comafro convoca movimentos para definir nova composição nesta quarta-feira
Habilitações vencidas em 2020 terão um ano a mais de validade
TRÂNSITO
Habilitações vencidas em 2020 terão um ano a mais de validade
FÓRMULA 1
Com covid-19, Lewis Hamilton está fora do GP de Sakhir
DOURADOS
Câmara de Dourados aprova pagamento de plantões para agentes comunitários de saúde
PANDEMIA 
MS tem mais de 8 mil casos sem encerramento em plataforma
ECONOMIA
Governo paga 13° salário nesta terça após servidores escolherem a data
BRASIL
Anvisa inicia inspeção de fabricação de vacinas na China

Mais Lidas

PODER PÚBLICO
Gaeco volta às ruas de Dourados com nova operação
POLICIAL
Criminoso imita abordagem de polícia para cometer roubo em Dourados
BR-376
Acidente entre Dourados e Fátima do Sul deixa um morto e dois feridos
PANDEMIA
Covid volta a matar e Dourados acumula 120 vítimas da doença