Menu
Busca quinta, 16 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
ECONOMIA

Demanda do consumidor por crédito sobe 11,7% em julho

06 agosto 2014 - 10h36

A quantidade de pessoas que buscou crédito aumentou 11,7% em julho/14 na comparação com junho/14, segundo pesquisa feita pela Serasa/Experian.

Contudo, em relação a julho/13, houve recuo de 10,2% na procura por crédito. No acumulado dos primeiros sete meses deste ano, a demanda do consumidor por crédito registrou queda de 6,2%% perante o período de janeiro a julho de 2013.

A alta da procura por crédito em julho/14 na comparação com junho/14 deveu-se à menor quantidade de feriados e paralisações em julho dado o encerramento da fase de grupos da Copa do Mundo. Todavia, o recuo de 10,2% em relação a julho do ano passado mostra que o consumidor ainda continua relativamente retraído ao crédito tendo em vista as condições conjunturais mais adversas deste ano: estagnação da economia, juros mais altos, crédito mais difícil e menor nível de confiança dos consumidores.

As maiores altas na busca por crédito em julho/14 deram-se nas faixas de renda mensal de até R$ 500 e na de R$ 500 a R$ 1.000 mensais (crescimentos idênticos de 11,9% frente a junho/14). Em seguida tivemos o crescimento de 11,7% na demanda por crédito dos consumidores que ganham entre R$ 1.000 e R$ 2.000 mensais e para os que recebem mais de R$ 10.000 por mês. Já os consumidores que recebem entre R$ 2.000 e R$ 5.000 mensais e os que ganham entre R$ 5.000 e R$ 10.000 aumentaram suas demandas por crédito em 11,1% e 10,8%, respectivamente.

No acumulado do ano (janeiro a julho de 2014), a maior queda na busca por crédito ocorreu para os consumidores que ganham até R$ 500 por mês (recuo de 18,9% frente a janeiro a julho de 2013). Os consumidores de mais altas rendas, isto é, os que ganham entre R$ 5.000 e R$ 10.000 e os que recebem mais de R$ 10.000 mensais exibiram recuos também elevados (-10,0% e -10,1%, respectivamente). Os consumidores com renda mensal entre R$ 2.000 e R$ 5.000 exibiram queda de 6,1% e os que ganham entre R$ 5.000 e R$ 1.000 por mês diminuíram em 6,5% suas buscas por crédito nos primeiros sete meses de 2014. A menor queda (-1,7%) foi observada na camada de rendimento entre R$ 1.000 e R$ 2.000 por mês.

Análise por região

O Nordeste exibiu o maior avanço na busca por crédito em julho/14: 14,6% frente a junho/14. Nas regiões Norte e Centro-Oeste, as variações mensais em julho/14 foram de 12,8% e 12,0%, respectivamente. No Sudeste a alta da procura do consumidor por crédito foi de 11,0% em julho/14. Já a menor expansão da demanda do consumidor por crédito em julho/14 ocorreu na Região Sul: alta de 10,1% frente a junho/14.

A queda da procura por crédito no acumulado de janeiro a julho de 2014 foi mais expressiva na região Sul (-7,6%), seguida pela queda de 7,2% verificada na região Norte. Na região Nordeste, o recuo foi de 6,3% ao passo que na região Sudeste, a demanda do consumidor por crédito caiu 6,2%. Na região Centro-Oeste o recuo foi o menor: -2,2% frente aos primeiros sete meses do ano passado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Fiscalização encontra 30 quilos de cocaína em tanque de combustíveis
SÃO PAULO
Fiscalização encontra 30 quilos de cocaína em tanque de combustíveis
BRASIL
Mesa da Câmara confirma cassação do deputado Boca Aberta
Ambiental surpreende infratores pescando na Cachoeira do Apa 
CRIME AMBIENTAL
Ambiental surpreende infratores pescando na Cachoeira do Apa 
PUBLICAÇÃO
Prazo para envio de trabalhos da Revista da PGE termina amanhã
Acusado de assassinato, homem é flagrado levando foragido ao Paraguai
Números da pandemia
Média móvel de mortes por Covid fica acima de 500 pelo 3º dia
CAMPO GRANDE
Homem armado invade residência e estupra adolescente de 15 anos
MS
Tribunal de Justiça inicia curso de formação dos novos juízes substitutos
ACIDENTE
Funcionário morre esmagado por égua em fazenda do Pantanal
SAÚDE
Justiça pede transparência nos reajustes de planos de saúde coletivos

Mais Lidas

DOURADOS
Após denúncias, casal é preso por tráfico no Jardim Guaicurus
TRAGÉDIA EM SP
Sócio de usina em MS e mais 6 pessoas morrem em acidente com aeronave
DOURADOS
Embriagado, dono de bar agride e ameaça funcionária
DOURADOS
Para desafogar 'avenida da morte', obra em trevo da BR-163 começa no próximo mês