Menu
Busca terça, 27 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
SALÁRIOS E 13º

Comércio "comemora" liberação de R$ 1,5 bilhão para servidores do Estado

04 dezembro 2017 - 15h50

Em trinta dias a economia de Mato Grosso do Sul vai receber uma injeção de recursos de R$ 1,5 bilhão, conforme o cronograma de pagamento de salário dos servidores anunciado pelo governador Reinaldo Azambuja em entrevista coletiva à imprensa na manhã desta segunda-feira (4.12). O salário de novembro foi creditado hoje e estará disponível nesta terça-feira (5.12). O 13º será liberado no próximo dia 14 em uma única parcela e o vencimento de dezembro estará na conta no dia 4 de janeiro de 2018.

“Isso para nós será de grande importância”, afirmou Edison Araújo, presidente da Federação do Comércio de Mato Grosso do Sul (Fecomércio), ao participar da coletiva de imprensa. O comércio é um dos setores que sofre maior impacto positivo com a liberação do salário do funcionalismo. Reinaldo Azambuja afirmou que Mato Grosso do Sul é um dos poucos estados do Brasil que está conseguindo pagar o salário dos servidores em dia e manter investimentos importantes para a população, e isso é resultado da gestão eficiente e responsável. 

“Isso mostra o quanto foi importante as atitudes que tomamos, algumas impopulares até, para sermos hoje um dos poucos estados brasileiros que consegue cumprir com o calendário e com a obrigação do pagamento dos seus servidores, e manter investimentos importantes para as pessoas”. Citou como exemplo a lei aprovada pela Assembleia Legislativa que fixou o teto de gastos. “Hoje somos um Estado responsável, todos os poderes só vão gastar aquilo que arrecada, e isso dá uma estabilidade ao poder público”, pontuou o governador.

Esse modelo de gestão implantado pelo governo de Reinaldo Azambuja foi destacado por Edison Araújo. “Sabemos que todas essas mudanças não são fáceis, porque sempre alguém vai se sentir prejudicado, mas temos que ver o futuro. E não é o futuro só do seu mandato, mas o futuro como um todo, precisamos de políticas que sejam de longo prazo, como o senhor tem feito, governador. Esse problema da previdência, se alguém tivesse tomado uma atitude lá atrás não estaríamos sofrendo isso, mas alguém sempre vai estar reclamando. Então, temos que parabenizar toda a sua equipe pelo modelo de gestão e de administração do Estado”, afirmou o presidente da Fecomércio.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Júnior Mochi, que também participou da coletiva de imprensa convocada pelo governador, lembrou que os deputados aprovaram muitos projetos encaminhados pelo Executivo, por entender a importância para Mato Grosso do Sul. “Muitos desses projetos eram importantes e necessárias para se garantir o equilíbrio das finanças do Estado, e o governador tomou as atitudes que precisavam ser tomadas. Ele fez o que tinha que ser feito”, comentou. 

Como presidente da Fecomércio, Edison Araújo tem percorrido o Brasil participando de eventos do setor que representa. Ele diz que Mato Grosso do Sul tem sido citado com frequência pelo modelo de administração da gestão Reinaldo Azambuja. “Tenho orgulho de dizer que o nosso Estado está em franco desenvolvimento, e quando a gente conversa com os governadores de outros estados, todos elogiam o trabalho que o senhor, governador, vem fazendo a nível nacional. Eles olham o senhor como uma referência”, afirmou. Também participaram da coletiva de imprensa realizada na Governadoria, os representantes de outros Poderes, deputados estaduais e lideranças do setor produtivo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BATAGUASSU
Homem esfaqueia marido da ex por não aceitar fim de relacionamento
OBSERVATÓRIO DO CLIMA
Fundo Amazônia tem R$ 2,9 bilhões paralisados pelo governo Bolsonaro
MEIO AMBIENTE
Dois são autuados por derrubada de árvores para exploração de madeira
EDUCAÇÃO
Sesi/MS oferece aulão online gratuito preparatório para o Enem
CASSILÂNDIA
Cliente não paga conta de bar e atira contra o comerciante
EVENTO
VI Encontro Estadual de Juízes dos Juizados Especiais será em novembro
CRIME AMBIENTAL
Paranaense é preso com pescado abaixo da medida e acima da cota
ESPORTE
Piso no Guanandizão para a Supercopa de Vôlei começa a ser montado
TRÁFICO
Polícia Federal prende mecânico com 85 quilos de cocaína em Dourados
OPERAÇÃO SERÁ
Polícia tenta localizar possíveis músicas inéditas de Renato Russo

Mais Lidas

GRANDE DOURADOS
Cobertura de barracão de cerealista ‘voa’ com o vento; veja vídeo
DOURADOS
Guarda encerra festa organizada por adolescente em plena pandemia, apreende droga e até arma artesanal
DOURADOS
Délia decreta emergência por causa de danos provocados pela tempestade
TEMPESTADE
Chuva e ventos de 46km/h derrubam árvores e levam sujeira às ruas de Dourados