Menu
Busca sexta, 17 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
PARALISAÇÃO

Comando Nacional recomenda fim da greve

06 outubro 2014 - 07h18

Após receber uma nova proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) na última sexta-feira, dia 03 de outubro, a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) informou, na madrugada de sábado (4), que o Comando Nacional dos Bancários vai recomendar à categoria o fim da greve, que começou no dia 30 de setembro.

Segundo a Contraf-CUT, os trabalhadores dos bancos públicos e privados vão decidir em assembleia pelo fim ou não da paralisação nesta segunda-feira (6). Em todo o Brasil, 134 sindicatos representam a categoria e irão levar a proposta da Fenaban para votação dos bancários.

Na 9ª rodada de negociação, a Fenaban propôs elevar o índice de reajuste de 7,35% para 8,5% (aumento real de 2,02%) nos salários e demais verbas salariais, de 8% para 9% (2,49% acima da inflação) nos pisos e 12,2% no vale-refeição.

Em relação aos dias parados, a entidade dos bancos propôs compensação de uma hora por dia no período de 15 de outubro a 31 de outubro, para quem trabalha 6 horas, e uma hora no período entre 15 de outubro e 7 de novembro, para quem trabalha 8 horas.

"Vemos essa proposta como positiva. É um aumento maior do que no ano passado e também é muito importante a criação de mecanismos de combate à pressão por venda de produtos. Foi um avanço. Nos últimos anos nos tentaram vencer pelo cansaço, tanto que a greve em 2013 durou 26 dias. Parece que eles aprenderam com os erros e resolveram de fato apresentar uma proposta melhor", afirmou Carlos Cordeiro, presidente da Contraf, por telefone ao G1.

###Paralisação
A greve dos bancários, que entrou nesta sexta-feira (3) em seu quarto dia, já fechou 10.355 agências pelo país, segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT). A paralisação, segundo a entidade, é por tempo indeterminado. Sindicatos de todos os estados confirmaram adesão à greve, além do Distrito Federal.

A greve foi iniciada apenas em agências bancárias, mantendo o funcionamento de caixas eletrônicos, serviços de teleatendimento e centros administrativos.

No entanto, segundo o sindicato, na quarta-feira, bancários de São Paulo e do Rio de Janeiro paralisaram alguns callcenters, telebancos, centros administrativos, serviço de apoio ao cliente e central de atendimento em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Faculdade Intercultural Indígena publica moção contra o marco temporal
FOGO AMIGO
Militar baleado ao defender mulher na rua recebe alta de hospital
Dourados enfrenta Miranda na semifinal da Copa Morena neste sábado
ESPORTE
Dourados enfrenta Miranda na semifinal da Copa Morena neste sábado
Com mandado de prisão em abertos, brasileiro é expulso do Paraguai
PARAGUAI
Com mandado de prisão em abertos, brasileiro é expulso do Paraguai
EDUCAÇÃO
UEMS regulamenta retomada gradual das atividades presenciais
FÁTIMA DO SUL
Homem grava vídeo para inocentar esposa: "Erro meu, bebi demais"
IMUNIZANTE
Sociedade Brasileira de Pediatria defende vacinação em adolescentes
MEIO AMBIENTE
Ambiental desmonta acampamento de caçadores às margens do Apa 
NÚMEROS DA TRAGÉDIA
Brasil se aproxima de 590 mil mortes por Covid; média segue estável
DROGA
Paraguai destrói 36 toneladas de maconha que viriam para o Brasil

Mais Lidas

DOURADOS
Após denúncias, casal é preso por tráfico no Jardim Guaicurus
24 HORAS DE VACINA
Dourados terá 'viradão' da vacina para aplicar doses em cinco grupos
DOURADOS
'Trevo do DOF' terá viaduto de 40m e ficará pronto em oito meses
DOURADOS
Homem morre no hospital depois de ser atropelado na área central