Menu
Busca domingo, 16 de maio de 2021
(67) 99257-3397
MAIO

Aneel define 'bandeira vermelha', e conta de luz ficará mais cara

30 abril 2021 - 21h50Por G 1

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) informou nesta sexta-feira, dia 30 de abril, que a conta de luz terá bandeira vermelha 1 no mês de maio. Isso significa que será cobrada uma taxa adicional mais alta, de R$ 4,69 para cada 100 kWh.

Em abril, as faturas de todo o país foram fechadas com bandeira amarela, que representa R$ 1,34 a mais a cada 100 kWh. Segundo a Aneel, o "agravamento" da bandeira tem relação com a época do ano, já que o mês de maio marca o início da estação seca em boa parte do país.

Os reservatórios das principais usinas hidrelétricas do país já estão baixos, mesmo ao fim da temporada de chuvas. O cenário, diz a agência, sinaliza um "patamar desfavorável de produção" de eletricidade – quanto menos água guardada, maior a necessidade de acionamento das termelétricas, que são mais caras.

"Essa conjuntura sinaliza patamar desfavorável de produção pelas hidrelétricas e elevada necessidade de acionamento do parque termelétrico, pressionando os custos relacionados ao risco hidrológico (GSF) e o preço da energia no mercado de curto de prazo (PLD). A conciliação desses indicadores levou ao acionamento do patamar 1 da Bandeira Vermelha", informou a Aneel.

Em fevereiro, o Jornal Nacional mostrou que os níveis dos reservatórios do Sudeste e do Centro-Oeste em janeiro foi o mais baixo dos últimos seis anos. 

A aplicação da bandeira vermelha nas contas de luz tem impacto sobre a inflação geral do país. Até março, o índice oficial acumulava alta de 6,10% em 12 meses – acima da meta de inflação para este ano, que é de 3,75%.

Sistema de bandeiras

O sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo de geração de energia. A bandeira fica na cor verde quando o nível dos reservatórios está alto e não há necessidade de acionamento extra de usinas térmicas, cuja produção de energia é mais cara.

Com os reservatórios baixos, a perspectiva é de alta no custo da energia já que exige o acionamento de mais térmicas. Assim, a bandeira pode passar para as cores amarela e vermelha (patamar 1 ou 2).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem acusado de matar ex-mulher é preso
FEMINICÍDIO
Homem acusado de matar ex-mulher é preso
EM ANÁLISE
Projeto prevê multa por atos contra as mulheres em eventos esportivos
Botafogo vence e deixa Minas Brasília no Z4 do Brasileiro Feminino
FUTEBOL
Botafogo vence e deixa Minas Brasília no Z4 do Brasileiro Feminino
Em Dourados, mais de 20 pessoas aguardam vagas em leitos para Covid
PANDEMIA
Em Dourados, mais de 20 pessoas aguardam vagas em leitos para Covid
Bolsonaro participa de manifestação de agricultores e religiosos
POLÍTICA
Bolsonaro participa de manifestação de agricultores e religiosos
DOURADOS
Dois são presos tentando roubar mercado no Jardim Clímax
ARTIOGO
Missão de mãe
REGIÃO
Polícia apreende veículo com adulteração de sinal identificador
SAÚDE
Estudo investiga como começa e evolui o câncer de esôfago
DOURADOS
Relojoaria na Avenida Marcelino Pires é furtada

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
TRÁFICO DE DROGAS
Chefe do 'Comando Vermelho' e foragido há seis meses é preso em Dourados
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
CAPITAL
Jovem sai para comprar narguilé e morre após colidir moto contra poste