segunda, 22 de abril de 2024
Dourados
25ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Diretório do PT da Capital não vai expulsar César Disney

25 setembro 2003 - 16h53

O Diretório Municipal do PT em Campo Grande não vai mais expulsar o vereador César Disney (PT) acusado de abuso de menores, estupro e atentado violento ao pudor. O presidente do diretório, Sílvio Nucci, disse que o partido não quer cometer injustiças ao expulsar o parlamentar sem que a Justiça tenha concluído as investigações. “César não cometeu nenhum crime contra o partido, mas está sendo acusado de um crime contra a sociedade, por isso entendemos que quem tem de julgá-lo é a Justiça, não o diretório”, justificou. Nucci disse que a decisão foi acatada por unanimidade pelos 42 membros do diretório. Mas embora o vereador continue na legenda até que seja definitivamente acertada sua situação com a Lei, ele está afastado do partido. “Ele permanece no partido, mas está afastado, não podendo participar das reuniões e opinar sobre as decisões que tomarmos”, adiantou. Para o presidente do diretório os militantes que não aceitarem a decisão precisam rever seus valores, já que segundo Nucci é uma opção coerente com a proposta do PT, de não tomar atitudes precipitadas. Ele refere-se às críticas da deputada federal Maria do Rosário (PT/RS), relatora da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que investiga redes de exploração sexual contra crianças e adolescentes no Brasil. Ela disse recentemente que gostaria de ver o vereador César Disney (PT) expulso de seu partido. De acordo com a deputada, mesmo respeitando o direito de defesa e até a possível inocência do parlamentar, o partido não poderia manter em seu quadro uma pessoa que está sendo investigada por possível envolvimento em crime de exploração sexual de crianças. “Cada membro do partido tem o direito de pensar como quiser, mas nós do diretório não vamos arcar com uma injustiça. Já pensou como ficaria o partido se expulsássemos um inocente?”, questiona.O vereador César Disney está preso desde o dia 16 numa sala improvisada no Garras (Armado de Repressão a Roubos, Assaltos e Seqüestros), onde se encontra também outro envolvido no caso, o vereador Robson Martins (PSDB). A prisão preventiva dos dois parlamentares foi decretada pelo juiz da 2ª Vara Criminal de Campo Grande, Luiz Carlos de Souza Ataíde, que acatou pedido feito pela promotora da Infância e da Adolescência, Vera Bogalho. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agronegócio fecha a segunda-feira com reduções nos preços em Dourados
COTAÇÃO

Agronegócio fecha a segunda-feira com reduções nos preços em Dourados

Detento que cavou buraco em canil para fugir da PED é preso em Goiás 
QUATRO ANOS

Detento que cavou buraco em canil para fugir da PED é preso em Goiás 

Homem é preso transportando 700 pacotes de cigarros contrabandeados
RODOVIA ESTADUAL 

Homem é preso transportando 700 pacotes de cigarros contrabandeados

Voucher Transportador já atendeu quase mil motoristas e pode ampliar vagas
REFERÊNCIA

Voucher Transportador já atendeu quase mil motoristas e pode ampliar vagas

Pedidos de isenção da taxa do Enem podem ser feitos até sexta-feira
BRASIL

Pedidos de isenção da taxa do Enem podem ser feitos até sexta-feira

POLÍCIA

Carreta furtada no Paraná é recuperada em abordagem na BR-376

EDUCAÇÃO

Educadores realizam ações durante a semana em defesa e promoção da Educação Pública

CAMPO GRANDE

Mulher foi assassinada com mais de 30 facadas e autor manteve corpo dentro de imóvel

POLÍCIA

Caminhonete roubada no Mato Grosso é recuperada no interior do MS

DOURADOS

VIII Congresso da Saúde reúne mais de 30 profissionais renomados

Mais Lidas

COTAÇÃO

Soja segue em destaque no mercado do agro em Dourados, confira cotação

DOURADOS

Justiça manda arquivar processo de improbidade contra envolvidos na Operação Pregão

DOURADOS 

Jovem é estuprada após ser abordada por desconhecido em Saveiro branco

DOURADOS 

Mulher de 46 anos morre atropelada por motocicleta na MS-156