Menu
Busca segunda, 18 de janeiro de 2021
(67) 99659-5905

Dirceu diz que governo não vai mudar tabela do IR em 2004

12 outubro 2003 - 06h51

O ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, descartou a possibilidade de o governo apoiar propostas de corrigir a tabela do Imposto de Renda (IR). Ele deixou claro que isso não acontecerá este ano nem em 2004 por causa da elevação do superávit e da queda da arrecadação neste ano. Se a tabela fosse corrigida, aumentariam os limites de isenção de pagamento do imposto. Dirceu disse que o governo vai rejeitar a emenda do senador Rodolpho Tourinho (PFL-BA), que propõe a correção anual das tabelas do IR na reforma tributária, e reiterou que a base da reforma é a que foi aprovada na Câmara. "A idéia do governo é manter a tabela no ano que vem. A situação orçamentária é difícil por causa do superávit (que tem de ser gerado) e porque houve uma queda de receita", afirmou. Para o IR 2003 (ano-base 2002), declarado neste ano, a Receita Federal corrigiu a tabela em 17,5%, como estava previsto desde 2001. De acordo com a instrução normativa 290, de 30 de janeiro de 2003, o limite de isenção passou de R$ 900 para R$ 1.058. A primeira faixa de contribuição - de rendimentos líquidos acima de R$ 900 e até R$ 1.800 - passou a valer para rendimentos líquidos acima de R$ 1.058 e até R$ 2.115. A alíquota para essa faixa é de 15%. Quem recebeu mais do que R$ 2.115 descontou 27,5%, a maior alíquota do imposto. A tabela do IR permaneceu inalterada de 1996 a 2001, causando uma defasagem em relação à inflação acumulada no período, de 35%. Diante da pressão do Congresso e da sociedade, no fim de 2001 o governo negociou um reajuste parcial. A tabela do imposto foi reajustada em 17,5%, a metade da inflação acumulada no período, depois de meses de negociação com o Congresso, que desejava uma correção mínima de 20%. Em troca, o governo queria criar mais uma alíquota de 35%, mas acabou abrindo mão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Alerta do Inmet para chuvas intensas em Dourados é estendido
CLIMA
Alerta do Inmet para chuvas intensas em Dourados é estendido
Vacina contra o coronavírus deve chegar no início da tarde em MS
PANDEMIA
Vacina contra o coronavírus deve chegar no início da tarde em MS
BRASIL
Ministro Jorge Mussi assume a presidência do STJ pelos próximos 15 dias
Funcionários públicos são flagrados em bar fechado por aglomeração
NOVA ANDRADINA
Funcionários públicos são flagrados em bar fechado por aglomeração
MS se aproxima de 151 mil infectados por coronavírus e 582 estão hospitalizados
PANDEMIA
MS se aproxima de 151 mil infectados por coronavírus e 582 estão hospitalizados
BRASIL
Caixa libera saque do auxílio emergencial para nascidos em agosto
BRASIL
Atividade econômica tem alta de 0,59% em novembro, diz Banco Central
DOURADOS
Agesul comunica paralisação da obra na Hayel Bon Faker
TRÁFICO DE DROGAS
Veículo é apreendido com drogas na BR-163 e dois são presos
PANDEMIA
Dourados registra mais um óbito por coronavírus e soma 2.026 casos ativos

Mais Lidas

DOURADOS
Morto por descarga elétrica pode ter tentado consertar portão
ACIDENTE
Homem morre após sofrer descarga elétrica em Dourados
DOURADOS 
Jovem cai de moto e pede ajuda após levar facada
DOURADOS
Comitê alerta para crescente da Covid e prefeito expede decreto com novas regras