Menu
Busca sexta, 23 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Detran/MS ainda não exige exame na renovação de CNH

04 julho 2005 - 10h47

O Detran/MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) ainda não vai exigir o exame para a renovação da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) para os motoristas que precisam do novo documento. A exigência que passaria a valer a partir de hoje não vai entrar em prática porque o órgão ainda não está emitindo as provas e os motoristas, que tiraram a carteira antes do ano de 1998 e nunca fizeram renovação com curso de direção defensiva e primeiros socorros, têm outra folga até o dia 18 de julho para escapar do exame este ano. Nessas duas semanas, esses motoristas poderão fazer a renovação através de curso presencial de direção defensiva e primeiros socorros nos CFCs (Centros de Formação de Condutores) ou de maneira autodidata (em que o motorista busca o material oferecido pelo Denatran no endereço http://www.denatran.gov.br, através do site e estuda sozinho). Sem fazer o exame para comprovar o conhecimento através dos cursos, os motoristas ficarão na pendência de fazer a prova na próxima renovação da carteira.O curso à distância que também será oferecido para o condutor ainda não está funcionando. Conforme informações da assessoria de imprensa do Detran, ele vai passar a funcionar a partir de 18 de julho. O Detran no Estado é o único no País que cobra o exame presencial ou à distância junto com a prova, nas demais unidades da federação, somente o motorista que opta pelo estudo autodidata que precisa realizar o exame. Segundo o Detran, isso ocorre porque uma portaria do órgão no Estado definiu que haveria a cobrança de exame em todos os casos por questão de segurança do condutor. O curso à distância custará R$ 22, nas auto-escolas o preço fica a critério das empresas e a prova terá o custo R$ 22. O motorista ainda paga o valor da renovação que continua R$ 106.O Detran já havia adiado a exigência das normas mais rígidas para renovar a CNH porque ainda não havia conseguido se adaptar a todas as alterações do sistema. O órgão no Estado não foi o único a ter problemas com as mudanças, outros Estados ainda estão pendentes para a exigência de curso na renovação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

'Cassems Itinerante' leva atendimento com especialistas ao interior
SAÚDE
'Cassems Itinerante' leva atendimento com especialistas ao interior
Mega-Sena acumula e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões amanhã
LOTERIA
Mega-Sena acumula e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões amanhã
Tribunal determina perícia para encontrar 61 hectares da Reserva Indígena
DOURADOS
Tribunal determina perícia para encontrar 61 hectares da Reserva Indígena
Diretor da Aced fala do encontro com a prefeitura, entidades e empresários sobre ''acessibilidade''
TV DOURADOS NEWS
Diretor da Aced fala do encontro com a prefeitura, entidades e empresários sobre ''acessibilidade''
MATRÍCULA
UFGD convoca aprovados em 2ª chamada no Vestibular da EAD
PONTA PORÃ
Trio é preso com arma, dinheiro e bloqueador de sinal em frente a presídio
POLÍTICA
Nelsinho Trad destaca que Dourados recebeu R$ 20,8 milhões da União
ECONOMIA
Leilão do Detran com 180 veículos para circulação encerra nesta sexta
NOVA ALVORADA
Jovem é morto com facada durante briga com o namorado da ex
TEMPO
Sexta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Grupo receberia comissão se conseguisse negociar carga de maconha no Água Boa
DOURADOS
Jovem confessa 18 tiros, mas diz que idoso morreu antes por enforcamento
IVINHEMA
Polícia encontra mais de 800kg de maconha em casa alugada para o tráfico
DOURADOS
Ladrão invade alojamento do Hospital da Vida e leva pertences de enfermeiras