Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Deputado prevê plano B caso Câmara não abra CPI contra CBF

17 março 2011 - 13h28

O deputado federal Anthony Garotinho (PR-RJ) afirmou, na manhã desta quinta-feira, que vai levar as denúncias contra o presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), Ricardo Teixeira, ao Ministério Público caso a Câmara não queira abrir uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar a organização da Copa-2014.

"A Casa reclama de intervenções do Judiciário nas suas competências e não realiza uma delas, que é investigar. Então, não reclame se eu levar tudo para o Ministério Público", disse o deputado.

Garotinho já conseguiu 117 das 171 assinaturas necessárias para o pedido de abertura da comissão de investigação.

Segundo ele, porém, muitos colegas pediram para retirar o apoio após a ofensiva de Teixeira. "Vários me pediram para tirar, disseram que receberam ligações dos presidentes da federação de futebol local, de prefeitos dizendo que receberam ligação do Ricardo Teixeira prometendo jogos de futebol, de líderes partidários. Mas só vou tirar as assinaturas com registro por escrito do deputado", afirmou Garotinho.

O presidente da CBF passou a tarde de quarta-feira fazendo visitas às principais lideranças da Casa. Esteve, também, com o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS). Ao final do encontro, Maia disse que "não tem clima" para uma CPI no Congresso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASILÂNDIA
Jovem de 23 anos destrói recepção de hospital durante surto
BRASÍLIA
Secretário Mario Frias é submetido a cateterismo de emergência
TRÊS LAGOAS
Homem que matou cantor a tiros em tabacaria é condenado a 46 anos
BRASIL
Câmara aprova projeto que pode restringir atuação da oposição
Homem contrai dívida de R$ 32 mil ao fazer portabilidade de empréstimo
BENEFÍCIO
Cultura prorroga prazo para entrega de documentação do FIC
POLÍCIA
Condutor de lancha envolvida em acidente com morte presta depoimento
EDUCAÇÃO
Metas do Inep para o ano não incluem aplicação do Enem 2021
IVINHEMA
Três dias depois de ser envenenada pela mãe, criança recebe alta
FERIADO
Comarca de Angélica não terá expediente amanhã e sexta-feira

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados