Menu
Busca segunda, 25 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397

Delcídio cumpre promessa de campanha com 1º emprego

21 outubro 2003 - 16h09

O Senador Delcídio do Amaral Gomez (PT) disse hoje, em Brasília, que a aprovação , pelo Senado, do Projeto de Lei nº 58, que institui o Programa Nacional de Estímulo ao Primeiro Emprego para os Jovens, representa o cumprimento de um compromisso assumido na campanha eleitoral. - Quando me lancei candidato no ano passado, uma das propostas que defendi e debati com a sociedade foi justamente a necessidade de proporcionar aos jovens a oportunidade de ingressar no mercado de trabalho, através de programas de qualificação profissional e de benefícios fiscais para as empresas que oferecessem vagas a quem quer mostrar e desenvolver seu potencial. Na campanha eleitoral dei o nome a minha proposta de Profissionais do Futuro.  Por isso o Programa do Primeiro Emprego, de iniciativa do presidente Lula, contou com meu apoio desde que chegou ao Congresso, e será, sem dúvida, um forte instrumento de se fazer justiça social em nosso país - previu Delcídio.O parlamentar sul-mato-grossense conhece a realidade do mercado de trabalho no Brasil e as dificuldades que os jovens têm para encontrar uma colocação.- Me lembro bem dos meus 18 anos e sei o que é bater na porta de uma empresa, pedindo uma chance, e ver essa chance ser negada por falta de experiência. A frustração é grande e se a pessoa não for bem orientada acaba entrando em desespero.Em um país como o nosso, onde a criminalidade tira o sossego da população, é fundamental garantir, principalmente aos mais jovens, uma perspectiva de vida que os afaste do caminho da violência - afirmou o senador.O Projeto que criou o Programa de Estímulo ao Primeiro Emprego será encaminhado esta semana à sanção do Presidente Lula para ser transformado em Lei. O público alvo é formado por pessoas com idade entre 16 e 24 anos, em situação de desemprego involuntário. De acordo com o IBGE, em Mato Grosso do Sul existem hoje cerca de 20 mil jovens nessas condições. Para participar do programa, é necessário que o jovem não tenha vínculo empregatício anterior, seja membro de família com renda mensal per capta de até meio salário mínimo, esteja matriculado e freqüentando estabelecimento de ensino fundamental, médio ou curso de educação de jovens e adultos, e não seja beneficiado por subvenção econômica de outros programas.As empresas que oferecerem oportunidade de trabalho aos jovens receberão subvenção econômica de até 6 parcelas de R$ 200 ou de R$ 100 por emprego gerado, de acordo com sua renda ou faturamento anual. O empregador deverá comprovar o recolhimento dos tributos e contribuições devidas ao FGTS, INSS, à Receita Federal e à Dívida Ativa da União. Ele também deverá manter, durante o período de vínculo empregatício com o jovem inscrito no programa, um número médio de empregados igual ou superior ao de empregos existentes na empresa no mês anterior ao da assinatura do termo de adesão. Essa medida é para evitar que as empresas substituam empregados antigos por jovens contratados com as subvenções do governo.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Provedor local da mais alta qualidade, Hokinet traz tecnologia, inovação e emprego
INFORME PUBLICITÁRIO
Provedor local da mais alta qualidade, Hokinet traz tecnologia, inovação e emprego
Caminhonete roubada em SP é recuperada em município do interior de MS
REGIÃO
Caminhonete roubada em SP é recuperada em município do interior de MS
MEC anuncia regras para o Fies do segundo semestre de 2021
FINANCIAMENTO
MEC anuncia regras para o Fies do segundo semestre de 2021
Veículo furtado é recuperado na MS-270 e maconha apreendida
REGIÃO
Veículo furtado é recuperado na MS-270 e maconha apreendida
MS soma mais de 12 mil casos ativos de coronavírus
PANDEMIA
MS soma mais de 12 mil casos ativos de coronavírus
MS
Com Covid-19, Zauith assume governo estadual em home-office
COVID-19
Dourados receberá 2,6 mil doses da vacina de Oxford
PANDEMIA
Biden reativa restrição de entradas no país
PANDEMIA
Dourados sobe para 74 hospitalizados por coronavírus e maioria em UTI
BRASIL
Confaz divulga nova tabela de preços médios de combustíveis

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Vídeo mostra momento exato de acidente com vítima fatal em Dourados
DOURADOS
Motorista envolvido em acidente fatal relata bebida ao depor e é liberado 
TRAGÉDIA
Segundo acidente de trânsito com vítima fatal é registrado em Dourados
DOURADOS
Motociclista que morreu após colisão em cruzamento invadiu via preferencial