Menu
Busca sábado, 19 de junho de 2021
(67) 99257-3397

DDD será obrigatório nos celulares a partir de domingo

02 janeiro 2004 - 08h37

A partir do primeiro domingo de 2004, dia 4 de janeiro, todas as chamadas de longa distância efetuadas a partir de telefones celulares deverão incluir o código da operadora que vai suportar o interurbano, conforme informou a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), por meio de ofício, a todas as operadoras telefônicas. Há somente quatro exceções: Claro (ex-BCP), CTBC, Telemig e Amazônia. Ou seja, o usuário do celular seguirá o da telefonia fixa, que há alguns meses não completa nenhuma chamada de longa distância sem antes digitar algum código como o 21 da Embratel, o 31 da Telemar, o 14 da Brasil Telecom, o 15 da Telefônica ou o 23 da Intelig, entre outros disponíveis. No início de novembro, a Anatel prorrogou a medida para o celular, mantendo por mais 60 dias a fase de duplo convívio. Quem esquecesse de selecionar uma operadora, teria sua chamada completada assim mesmo. Durante os trabalhos de formação de hábito de seus clientes, 100% das chamadas eram completadas com ou sem o código da companhia. No segundo mês, somente 50% das chamadas sem o código foram completadas, levando a operadora a informar aos clientes da outra metade sobre a necessidade de escolher uma companhia para completar as chamadas interurbanas ou interestaduais e digitar o código correspondente. A terceira e última etapa tem início em 4 de janeiro, quando toda e qualquer ligação para outro município, estado ou para o exterior, terá que obrigatoriamente incluir o código sob risco da ligação não ser completada. Segundo levantamento efetuado pela Anatel, 83,5% das chamadas têm sido feitas seguindo as novas regras. Com isso, uma parcela de apenas 16,5% corre o risco de vir a ser interceptada pela operadora e devolvida ao cliente, que ouvirá a explicação de como proceder para corrigir e refazer a chamada. Dentre as operadoras do Serviço Móvel Pessoal (SMP), duas ainda não estão aptas a obedecer a esta determinação da Anatel: Claro-SP e CTBC. A Claro SP (ex-BCP), cuja migração ocorrerá somente em 30 de janeiro, terá 90 dias a partir de então para operar em duplo convívio. Outras duas - Telemig Celular e Amazônia Celular - permanecem vinculadas ao Serviço Móvel Celular (SMC), que não as obriga a seguir o Código de Seleção de Prestadora. As demais - como Claro (fora de São Paulo), Vivo, TIM e Oi - migraram para o Serviço Móvel Pessoal ou já foram criadas nele.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Anvisa autoriza estudo sobre dose de reforço da Pfizer
Barroso mantém decisão da CPI que pediu condução coercitiva de Wizard
STF
Barroso mantém decisão da CPI que pediu condução coercitiva de Wizard
Motocicleta é recuperada por policiais em cidade de MS
REGIÃO
Motocicleta é recuperada por policiais em cidade de MS
Brasil acumula 498,4 mil mortes e 17,8 milhões de infectados
COVID-19
Brasil acumula 498,4 mil mortes e 17,8 milhões de infectados
FUTEBOL
Chile supera Bolívia e consegue primeira vitória na Copa América
TRÊS LAGOAS
Suspeito é flagrado com maconha, balança e R$ 1 mil em residência
FUTEBOL
Conmebol suspende e multa Moreno por crítica à Copa América
JUNHO VERDE
Congresso recebe iluminação verde para incentivar preservação ambiental
ASSEMBLEIA LEGISLATIVA
CPI da Energisa volta a investigar abusos na prestação de serviços públicos em MS
IMUNIZAÇÃO
Fiocruz entrega cerca de 5 milhões de doses da vacina contra Covid-19

Mais Lidas

DOURADOS
Motorista que atropelou jovem na Presidente Vargas conduzia um Gol e fugiu
NA DELEGACIA
Motorista que atropelou indígena diz que fugiu por medo de sofrer represálias
DOURADOS
Motorista baleado em golpe do "falso frete" é encaminhado ao HV
DOURADOS
Jovens que tentaram aplicar golpe do 'falso frete' e balearam motorista são apreendidos