Menu
Busca quinta, 09 de abril de 2020
(67) 9860-3221

DDD será obrigatório nos celulares a partir de domingo

30 dezembro 2003 - 13h05

A partir do primeiro domingo de 2004, dia 4 de janeiro, todas as chamadas de longa distância efetuadas a partir de telefones celulares deverão incluir o código da operadora que vai suportar o interurbano, conforme informou a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), por meio de ofício, a todas as operadoras telefônicas. Há somente quatro exceções: Claro (ex-BCP), CTBC, Telemig e Amazônia. Ou seja, o usuário do celular seguirá o da telefonia fixa, que há alguns meses não completa nenhuma chamada de longa distância sem antes digitar algum código como o 21 da Embratel, o 31 da Telemar, o 14 da Brasil Telecom, o 15 da Telefônica ou o 23 da Intelig, entre outros disponíveis. No início de novembro, a Anatel prorrogou a medida para o celular, mantendo por mais 60 dias a fase de duplo convívio. Quem esquecesse de selecionar uma operadora, teria sua chamada completada assim mesmo. Durante os trabalhos de formação de hábito de seus clientes, 100% das chamadas eram completadas com ou sem o código da companhia. No segundo mês, somente 50% das chamadas sem o código foram completadas, levando a operadora a informar aos clientes da outra metade sobre a necessidade de escolher uma companhia para completar as chamadas interurbanas ou interestaduais e digitar o código correspondente. A terceira e última etapa tem início em 4 de janeiro, quando toda e qualquer ligação para outro município, estado ou para o exterior, terá que obrigatoriamente incluir o código sob risco da ligação não ser completada. Segundo levantamento efetuado pela Anatel, 83,5% das chamadas têm sido feitas seguindo as novas regras. Com isso, uma parcela de apenas 16,5% corre o risco de vir a ser interceptada pela operadora e devolvida ao cliente, que ouvirá a explicação de como proceder para corrigir e refazer a chamada. Dentre as operadoras do Serviço Móvel Pessoal (SMP), duas ainda não estão aptas a obedecer a esta determinação da Anatel: Claro-SP e CTBC. A Claro SP (ex-BCP), cuja migração ocorrerá somente em 30 de janeiro, terá 90 dias a partir de então para operar em duplo convívio. Outras duas - Telemig Celular e Amazônia Celular - permanecem vinculadas ao Serviço Móvel Celular (SMC), que não as obriga a seguir o Código de Seleção de Prestadora. As demais - como Claro (fora de São Paulo), Vivo, TIM e Oi - migraram para o Serviço Móvel Pessoal ou já foram criadas nele.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS
Brasil registra 941 mortes desde início de pandemia
COVID-19
MS tem variação percentual de 46% entre a cidade que mais cumpre e menos cumpre o isolamento social
REGIÃO
Motorista que seguia para Dourados com carro furtado é interceptado pelo DOF
SANEAMENTO BÁSICO
Esquema envolvendo funcionários de estatal desviava materiais de construção
SAÚDE
Municípios do interior começam a receber respiradores hospitalares nesta semana
FLAGRANTE
Contrabando de cigarros é apreendido escondido em meio a fenos
REGIÃO
Após investigações, polícia prende dupla realizava furtos em Maracaju
ARTIGO
Dourados não pode errar!
POLÍCIA
Acusado de tentar matar duas pessoas em chácara acaba preso
EMERGENCIAL
Receita regulariza CPFs com pendências para pagamento de auxílio

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher tenta desviar de buraco, é atropelada por carreta e morre
DOURADOS
Assassinos de homem no Parque das Nações roubaram celular de testemunha
DOURADOS
Na volta ao atendimento, populares formam filas longas em frente a agências bancárias
DOURADOS
Mulher morta em acidente cursava pedagogia e terá corpo levado a Naviraí