Menu
Busca quinta, 21 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397
A REGRA DO JOGO

Dante é baleado após descobrir cativeiro da mãe

13 janeiro 2016 - 14h35

Em A Regra do Jogo, Dante (Marco Pigossi) vai invadir o cativeiro de sua mãe, Kiki (Deborah Evelyn). Mais uma vez, o policial seguirá uma pista dada por Juliano (Cauã Reymond). O lutador passará o endereço da casa em que a loira viveu nos últimos anos após seguir seu pai, Zé Maria (Tony Ramos), até o local. A filha de Gibson (José de Abreu) estará presa no quarto, e capangas da facção acabarão baleando Dante pelas costas. Depois de um pouco de suspense, o público verá que ele estava usando um colete à prova de balas. Kiki ficará atônita ao rever o filho.

O policial vai trocar tiros com os bandidos e fugir antes de chamar reforço policial. Quando voltar ao local, Kiki já terá sido levada de lá, mas Dante achará um desenho que o levará a crer que sua mãe estava presa ali. Essa sequência vai ao ar a partir desta sexta (15).

A loira voltará a ser prisioneira do próprio pai nos próximos capítulos. Ela será traída por Romero (Alexandre Nero). O ongueiro levará Gibson até o hotel em que ela se hospedará. Kiki se rebelou contra o pai por ter sido separada de sua filha, Aninha (Letícia Braga).

"Ele só entrou, ficou um tempinho e foi embora. Deve ter alguma coisa aí. Eu acho que vale a pena investigar esse lugar", dirá Juliano a Dante, entregando um papel com o endereço do casa no subúrbio. Em seguida, o policial aparecerá chegando de moto ao local, com o farol apagado.

"Ele vai se esgueirando pelo muro e olha pela janela da casa. Do ponto de vista de Dante, tem dois capangas com a TV ligada. Ele conseguirá ver as armas na mesa", indica o roteiro entregue à produção da trama.

Invasão do cativeiro

Dante entrará na casa após pular o muro dos fundos. A porta da cozinha estará semiaberta. Ele arremessará um balde vazio no quintal, chamando a atenção dos bandidos para o lado contrário ao seu. "Bora! Tem alguém lá fora", dirá um dos homens.

A câmera mostrará Kiki espiando tudo da fresta do cativeiro. "Dante, meu filho", sussurrará ela, emocionada. O capítulo terminará deixando o suspense do que vai acontecer para o dia seguinte.

Os dois capangas vão voltar e ouvirão Dante esbarrar em algo na cozinha. "Polícia! Larga a arma", gritará o filho de Romero, com a arma em punho. Um capanga atirará nele, mas errará. Dante revidará e acertará no ombro de um dos bandidos. Dante correrá e será acertado nas costas. Ele cambaleará, mas alcançará a moto e arrancará com tudo.

Colete à prova de balas

"A casa caiu! Tem que avisar o chefe, rápido! Bora", dirá um capanga. Ao mesmo tempo, o telespectador verá Dante pedindo reforço policial. Só aí o público perceberá que ele usa colete à prova de balas e não está ferido, somente com hematoma nas costas.

Quando ele entrar com outros policiais na casa, Kiki já terá sido levada do local. No quarto, Dante encontrará um desenho de criança de uma égua chamada Princesa, mesmo nome do animal que sua mãe teve. Ele deduzirá que Kiki estava presa ali e comentará isso com sua família.



Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Monitor do PIB aponta alta de 1,1% na atividade econômica em novembro
Emprego cresce na indústria em um movimento atípico para dezembro
ECONOMIA
Emprego cresce na indústria em um movimento atípico para dezembro
STJ
Sessão que formará lista tríplice para o novo ministro será convocada e fevereiro
4ª Câmara Cível não reconhece união estável post mortem
TJMS
4ª Câmara Cível não reconhece união estável post mortem
Prefeitura republica decreto por incorreção e autoriza funcionamento de bares
DOURADOS
Prefeitura republica decreto por incorreção e autoriza funcionamento de bares
PANDEMIA
Dourados registra mais quatro óbitos por coronavírus e soma 154 novos casos
DOURADOS
Conselho do Fundeb cobra prefeitura a quitar salários de educadores
DOURADOS
Segundo corpo encontrado às margens da BR-163 é identificado
DOURADOS
Flagrante de cocaína em ônibus que levava fieis para Aparecida originou operação da PF
PANDEMIA
MS tem mais de 12 mil pessoas em isolamento domiciliar por coronavírus

Mais Lidas

DOURADOS
Promotor vê preconceito em comentários contra vacina para índios e denuncia à PF
DOURADOS
Mulher é presa acusada de dar cobertura para assaltantes que rendiam família
VILA ÍNDIO
Enfermeiro de 50 anos é primeiro vacinado contra Covid-19 em Dourados
DOURADOS
Dupla é presa após assaltar entregador em frente conveniência no Jardim Flórida