Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Dagoberto pode pedir ampliação de prazo para desocupação

13 janeiro 2004 - 14h13

O secretário Estadual de Justiça e Segurança Pública, Dagoberto Nogueira, informou esta manhã que pode pedir à Justiça a prorrogação por mais 24 horas do prazo para a remoção das famílias acampadas há mais de um mês próximo ao anel viário de Campo Grande. O prazo para a desocupação da área, concedido pelo juiz substituto Nélio Stábile, da 2ª Vara de Fazenda Pública e Registros Públicos da Capital, termina às 12h desta quarta-feira.Através da assessoria de imprensa, Nogueira disse que uma outra alternativa é a antecipação do julgamento de recurso impetrado pelo advogado do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra), Mário Morandi, previsto para esta quarta-feira, às 14h.A preocupação do secretário, conforme a assessoria, é que os sem-terra sejam removidos e depois tenham o recurso acolhido pelo TJ (Tribunal de Justiça), que irá julgar a competência para a requisição do mandado de reintegração de posse da área. A solicitação foi feita pela Prefeitura de Campo Grande e de acordo com o MST deveria ser de competência da União.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FRONTEIRA
Após perseguição, polícia apreende veículo com 1.750 pacotes de cigarros
INFORME PUBLICITÁRIO
Com preço histórico no filé de pirarucu, Peixaria Pernambuco orienta clientes a anteciparem compras
TEMPO
Quinta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
CAPITAL
Rapaz é espancado por trio após ser acusado de ‘ficar’ com adolescente
JUDICIÁRIO
STF dá 48 horas para Bolsonaro listar ações tomadas contra a Covid-19
CAMPO GRANDE
Polícia resgata duas pessoas que ficaram presas em carro sob forte sol
SOLIDARIEDADE
Campanha Online da UEMS irá ajudar alunos durante a Covid-19
COXIM
Socorrida por bombeiros, mulher arromba armário e furta morfina de hospital
MEIO AMBIENTE
Ambiental captura jiboia com mais de dois metros em residência de Coxim
RECURSOS
MPT destinou R$ 124 milhões para prevenção e combate à Covid-19

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
BOLETIM DA SES
Dourados registra mais um caso de coronavírus e MS tem 51 confirmações