Menu
Busca segunda, 25 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Custo de vida em MS ficou 1,38% mais caro em janeiro

04 fevereiro 2005 - 09h32

O custo de vida das famílias que vivem em Mato Grosso do Sul ficou 1,38% mais caro no mês de janeiro em relação a dezembro do ano passado. O índice foi divulgado ontem. O grupo educação foi o principal responsável pela alta, apresentando variação de 9,31%. Segunda a pesquisa o motivo foi o reajuste anual das mensalidades escolares, feitos, sempre em janeiro. O ajuste de preços de planos de saúde e assistência médica foi o que colocou a saúde como outra responsável pela inflação do mês passado. A variação do grupo foi de 2,8%. O único setor que apresentou queda de preços foi o do vestuário, cerca de 1,04%.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Inadimplência cresce 26,3% em instituições privadas de ensino superior
PANDEMIA
Em dia de novo recorde de infecções, secretário alerta para assintomáticos
DOURADOS
Educação organiza retorno, mas atividades em escolas indígenas permanecem suspensas
ECONOMIA
Ministro da Infraestrutura aposta no sucesso na venda de aeroportos
CORONEL SAPUCAIA
PM apreende 33,5 kg de maconha com dupla paranaense
LEVANTAMENTO
Nem frio nem corona faz sul-mato-grossense ficar em casa, e isolamento atinge apenas 50% no fim de semana
PANDEMIA
Voluntários entregam ala reformada do HV para atender pacientes com coronavírus
DOURADOS
Câmara quer Audiência com prefeita para tratar retorno das aulas na Reme
BRASIL
Bolsonaro vai à PGR cumprimentar novo procurador da PFDC
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Homem morre atropelado por rolo compactador
PANDEMIA
Dourados ultrapassa marca de 100 casos confirmados de coronavírus
MARACAJU
Homem morre após tentativa de fuga e troca de tiros com a polícia
MS-145
Motorista disse não ter visto momento que atropelou e matou ciclista