Menu
Busca sábado, 15 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Crianças indígenas “varam” a noite na feira-livre assistindo TV

20 setembro 2004 - 16h32

Há mais de dez anos, um grupo formado de crianças com idade entre seis à 17 anos, costumeiramente sem que as autoridades competentes façam alguma coisa, passam as noites de fins de semana perambulando pela rua Cuiabá, mais conhecida por “rua da feira-livre”.Descalças, maltrapilhas, trajando camisetas - algumas de candidatos a vereadores e prefeitos -  e shorts, e sempre pedindo alimentos para as pessoas que elas abordam na rua da feira como se estivessem com fome, a maioria destas crianças ficam sob os cuidados de Milton Ribeiro, um dos responsáveis pelas montagens das barracas dos feirantes. “Coloco a televisão aqui no bar do seo Chico e eles ficam à noite inteira assistindo os filmes, muitos deles inclusive, chegam a dormir, mas são poucos” disse o “guarda” como é chamado Milton Ribeiro pelas crianças. Milton Ribeiro acrescenta que hoje existem crianças comparecendo no local, que são filhos de pessoas que também já fizaram, no passado, parte de um grupo que vive a mesma situação de hoje. “Para eles é normal pedir comida e dinheiro, além de varar a noite aqui assistindo televisão”, disse Milton Ribeiro, lembrando que poucas vezes alguma autoridade compareceu no local para presenciar ao menos a cena. Ao Dourados News, uma das crianças dizendo ter dez anos e morar na aldeia Bororó contou que na sua casa não tem televisão e que gosta de ficar na feira-livre porque come pastel e ganha dinheiro para dar para seus pais e também para comprar doces para ele e seus dois irmãos, ambos também frequentadores do local aonde a televisão é colocada para ele e as demais crianças indigenas assistirem.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Homem morre após bater motocicleta na traseira de caminhonete
Dourados vai receber recursos para ampliação de esgotamento sanitário
SAÚDE
Dourados vai receber recursos para ampliação de esgotamento sanitário
BATAGUASSU
Ex-marido descarrega revólver contra mulher que fica em estado grave
EDUCAÇÃO
Professores desenvolvem projeto que busca integrar Escola e Universidade
Jovem de 21 anos é autuada por incêndio em vegetação e resíduos
Jovem de 21 anos é autuada por incêndio em vegetação e resíduos
SAÚDE
Anvisa autoriza produto à base de cannabis em projeto com a Fiocruz
POLÍCIA
Suspeito de assassinar artista plástica em Campo Grande é morto pela polícia
Governo libera R$ 2,61 bilhões para as universidades federais
AQUIDAUANA
Quadrilha especializada em abigeato é presa enquanto dividia carcaça de vaca
REGIÃO
Barbosinha ressalta trabalho de Tereza Cristina ao prestigiar entrega de títulos

Mais Lidas

DOURADOS
Descontrolado, pastor xinga policiais por ser orientado a diminuir som de igreja
PESQUISA
Estudo confirma presença de dinossauros em Mato Grosso do Sul
ARTISTA
Desenhista de MS "consagrado" por Silvio Santos terá novo encontro com apresentador
CORONAVÍRUS
Murilo Zauith passa por reabilitação e segue internado em SP