Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Corumbá inicia as obras da rede de água no Porto

17 agosto 2004 - 16h48

A Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul - Sanesul, iniciou as obras da rede de distribuição de água no Porto Geral. A obra faz parte do Programa Monumenta, que prevê a urbanização do Porto Geral. Serão implantados 420 metros de rede de distribuição de água e 50 ligações para atender as embarcações no porto do Rio Paraguai. O investimento é de R$ 35 mil.Além disso, será executada também a obra de esgoto. A Sanesul vai investir R$ 351.136,11. O contrato já foi publicado no Diário Oficial do Estado e os serviços serão executados pela empresa corumbaense Módulo Engenharia. A obra é importante para a viabilização da urbanização do Porto Geral de Corumbá. Ao todo, serão 400 metros de rede coletora, além de emissários. A previsão é que toda a obra esteja concluída num prazo de 150 dias.Para o secretário Ângelo Rabelo, as obras são fundamentais para o prosseguimento da urbanização do Porto, previstas no Programa Monumenta. Destacou que, além do esgoto e rede de água, será feito também aterramento de todo o sistema elétrico da Enersul e também de telefonai, a cargo da Telems (Brasil Telecom)."Somente após estes serviços é que poderemos dar continuidade à urbanização do Porto Geral", disse Rabelo, lamentando apenas o fato de que a obra não deverá estar concluída este ano, como se esperava. "O importante é que ela será executada e será o novo cartão de visita de Corumbá. O bom de tudo é que todo o processo foi iniciado por nós. Isto nos orgulha muito", disse.O Programa Monumenta é uma parceria entre os Governos Federal (através do Ministério da Cultura), Estadual e Municipal e do Banco Mundial. Até o momento, já foram executadas as obras de urbanização da Escadinha da 15 de Novembro e de praticamente 95 por cento da Praça Generoso Ponce. Restam ainda a urbanização do Porto Geral, Casario do Porto, bem como a implantação do Museu e do Memorial do Homem Pantaneiro.Um metro - Por outro lado, o muro de arrimo implantado no Rio Paraguai, no Porto Geral, ganhará mais um metro na sua altura. As placas para complemento das obras já estão na cidade. Com a conclusão, o aterramento da parte que será urbanizada, ficará finalmente na altura da rua Manoel Cavassa, conforme prevê o projeto.A obra será executada pelo Governo do Estado que entrou na parceria do Programa Monumenta com a Prefeitura de Corumbá, Governo Federal e Banco Mundial. Com a execução dessa nova etapa do muro e a conclusão da implantação da rede de água, de esgoto e aterramento da rede elétrica e de telefonia, o Porto começará a ser urbanizado, com implantação de passeios, mirantes, ancoradouros, além de outros equipamentos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASILÂNDIA
Jovem de 23 anos destrói recepção de hospital durante surto
BRASÍLIA
Secretário Mario Frias é submetido a cateterismo de emergência
TRÊS LAGOAS
Homem que matou cantor a tiros em tabacaria é condenado a 46 anos
BRASIL
Câmara aprova projeto que pode restringir atuação da oposição
Homem contrai dívida de R$ 32 mil ao fazer portabilidade de empréstimo
BENEFÍCIO
Cultura prorroga prazo para entrega de documentação do FIC
POLÍCIA
Condutor de lancha envolvida em acidente com morte presta depoimento
EDUCAÇÃO
Metas do Inep para o ano não incluem aplicação do Enem 2021
IVINHEMA
Três dias depois de ser envenenada pela mãe, criança recebe alta
FERIADO
Comarca de Angélica não terá expediente amanhã e sexta-feira

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados