Menu
Busca sexta, 07 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Conversão de motor de avião para uso de álcool está no fim

18 agosto 2004 - 19h52

A tecnologia da conversão de motores à gasolina usados no plantio das lavouras para o álcool hidratado está na fase final das pesquisas e praticamente adiantada para a fase de testes. O anúncio foi feito hoje pelo presidente do Sindag (Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola), Carlos Heitor Belleza, ao ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues. Os testes serão realizados no CTA (Centro Técnico Aeroespacial) em breve. Segundo Carlos Belleza, só falta o conserto do aparelho de testes do CTA, cujas bancadas ainda não comportam os motores. O presidente do Sindag terá negociações ainda com os Ministérios da Defesa e de Minas e Energia para o andamento do programa. A previsão do presidente do Sindag é de que os motores a álcool já possam funcionar em 2005. “Depois dos testes, só falta homologação, feita pelo Instituto de Fomento Industrial”, explicou. de tempo entre as revisões gerais passará de 1.500 horas para 3.000 horas. O custo da hora de vôo também diminui, segundo Carlos Belleza. São US$ 2 a menos por hectare aplicado. A única desvantagem é o consumo, que aumenta cerca de 10 litros por hora de vôo, detalhe superado pela economia no preço do combustível, conforme destacou o presidente do Sindag. Hoje, o litro da gasolina para aviaçao custa US$ 1,5 (R$ 4,50) e o litro do álcool, comprado em grande volume, pode chegar a R$ 0,50. Há culturas em que se faz até oito aplicações de defensivos por safra, como é o caso do algodão.  custo para aplicar herbicida nos plantios de arroz, por exemplo, é de R$ 28 a hora de vôo por hectare, a cada aplicação. São feitas pelo menos quatro aplicações a cada safra. Outro assunto debatido no encontro foi a reativação do Centro de Excelência de Aviação Agrícola, desativado desde 1990. As negociações nesse sentido começaram há quatro anos e, agora, Carlos Belleza está otimista.O centro funcionará para cursos de treinamento e formação de pilotos e mecânicos, de combate a incêndio no campo e em florestas, e outras pesquisas na área. A frota brasileira de aviões agrícolas é a segunda maior do mundo, só superada pela dos Estados Unidos. São 260 empresas atuando no setor. Os aviões são usados na semeadura, na pulverização de defensivos agrícolas e na fertilização.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RIO NEGRO
Após prisão, jovem que furtou garrafas em comércio é libertado
Nelsinho Trad alerta para falta de insumos em cirurgias do coração
SAÚDE
Nelsinho Trad alerta para falta de insumos em cirurgias do coração
Acontece nesta sexta-feira o "Dia D" de arrecadação de agasalhos
DOURADOS
Acontece nesta sexta-feira o "Dia D" de arrecadação de agasalhos
PANTANAL
Corpo de Bombeiros faz alerta sobre queimadas no período de estiagem
Delegado que bateu em caminhão na BR-060 morre em hospital
CAPITAL
Delegado que bateu em caminhão na BR-060 morre em hospital
TEMPO
Sexta-feira com nevoeiro ao amanhecer e aumento de nuvens em Dourados
STJ
Advogado acusado de matar ex-lider do PSL sofre nova derrota na Justiça
IBGE
Governo recorre da decisão do Supremo sobre realização do Censo 2021
Motorista perde o freio e caminhão carregado com frangos colide em carreta
BRASIL
Mulher vítima de violência terá prioridade em programa habitacional

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher presa com armas, drogas e veículos mantinha relacionamento com interno da PED
DOURADOS
Pancadaria em motel termina na delegacia com três pessoas detidas
JÓQUEI CLUBE
Jovem é presa em Dourados com armamento de uso restrito, drogas e veículo clonado
DOURADOS
Carga de tijolos cai de caminhão em rotatória na Coronel Ponciano; veja vídeo