Menu
Busca sábado, 30 de maio de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Contra a depressão na pandemia, projeto oferece atendimento psicológico gratuito

21 maio 2020 - 07h32Por Da redação

O “Psi em Casa” oferece orientação gratuita a população durante a pandemia do Coronavírus. A ação atende a população douradense por meio do celular, email ou outros. O intuito é auxiliar nas dificuldades em relação ao isolamento social. 

Os interessados em receber os atendimentos devem preencher um formulário online neste link e aguardar o retorno da equipe. 

Conforme a psicóloga Suéllen Soares Altrão, coordenadora do projeto, as demandas são recebidas e analisadas apenas pelos psicólogos  participantes do projeto de modo a resguardar o sigilo dos familiares. As devolutivas são enviadas pelos profissionais aos responsáveis em forma de vídeos, textos (e-mail) ou via ligação.

As orientações são realizadas durante, no mínimo, 6 semanas e, no máximo, 8 semanas. O diálogo com os familiares tem duração média de 30 a 50 minutos. 

“Deste modo, agendamos um horário específico que seja mais oportuno para conversar com os responsáveis que solicitaram o serviço”, explica a Suéllen. 

A coordenadora afirma que a demanda maior do projeto tem sido referente a atendimento de crianças e adolescentes e também de referente aos responsáveis que estão na linha de frente e que muitas vezes estão sobrecarregados ao ter que lidar com a angústia, medo e a ansiedade ocasionada pela pandemia. 

“Os casos mais comuns referem-se a falta de atividades para oferecer às crianças e adolescentes que estão afastados das aulas presenciais neste período”, comenta. 

Após a avaliação dos casos, o grupo traça as atividades recomendadas “caso a caso”. No que se refere as crianças e adolescentes são indicadas a elaboração de rotinas que auxiliem no aprendizado. 

Além disso, conforme a coordenadora, o projeto direciona também ações na construção de momentos em que os responsáveis possam dialogar com as crianças e adolescentes a respeito de suas incertezas e angústias.

Também participam do “Psi em Casa”, o psicólogo Ronald Ferreira de Oliveira e a psicóloga Luciana Carvalho, além da professora de Artes Maria Helena Moreira, o professor de Educação Física Victor França e a advogada Ana Carolina Moreira. 

Mais informações podem ser obtidas em contato com a coordenação do projeto via celular:  67 99108-4047 ou redes sociais Facebook: https://www.facebook.com/psiemcasa, Instagram: @psiemcasaufgd

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Com mil mortes por dia, Brasil ainda não chegou ao pico da epidemia
ACIDENTE
Colisão entre carros termina em capotamento em Avenida de Coxim
DIÁRIO OFICIAL
Ministério da Justiça cria órgão para gerir fundo de segurança pública
TRÁFICO
Jovens que ganhariam R$ 2,8 mil por percurso de 2,3 mil quilômetros com drogas são presas
COVID-19
Mato Grosso do Sul tem 19 mortes por coronavírus e 1.418 confirmados
CAMPO GRANDE
Mulher de 53 anos morre após queda em banheiro
UEMS
Inscrições para Mestrado em Educação Científica terminam 2ª-feira
DOURADOS
Homem é capturado e entregue à polícia com espingarda
MÚSICA
Cantor e compositor Evaldo Gouveia morre de Covid-19 no Ceará
POLÍCIA
Homem encontrado morto sob a ponte do Calarge tinha 38 anos

Mais Lidas

DOURADOS
Protocolo é seguido e mulher vítima do coronavírus é enterrada sem despedida de familiares
MAIORIA JOVENS
Vítima fatal da Covid-19 faz parte da faixa etária com mais casos da doença em Dourados
COVID-19
Curva segue ascendente e Dourados ultrapassa 200 casos de coronavírus
PANDEMIA
Comitê diz que Dourados não é epicentro do novo coronavírus e descarta lockdown