Menu
Busca sexta, 15 de janeiro de 2021
(67) 99659-5905

Consumidor não paga multa por causa de greve dos Correios

16 setembro 2003 - 16h46

Os consumidores não precisam pagar juros e multas para quitar suas contas, caso o atraso do pagamento tenha ocorrido por causa da greve dos Correios. A paralisação da categoria começou na semana passada e pode ter atrapalhado a entrega das contas para os clientes. "O consumidor não deve arcar com o ônus de uma greve dos Correios", disse a diretora do Procon, Sônia Cristina Amaro.Algumas empresas de telefonia argumentam que a entrega dos documentos acontece com antecedência à data do vencimento, por esse motivo, as contas vencidas nos últimos dias já deveriam estar com os clientes. Mesmo assim, o Procon afirma que, se houve problema na entrega em decorrência da greve, o consumidor não é obrigado a pagar os juros. Para as contas que devem vencer nos próximos dias, o Procon orienta o consumidor a entrar em contato com a companhia prestadora de serviço para conseguir uma segunda via da conta. Empresas de telefonia e operadoras de cartão de crédito oferecem serviço de segunda via por internet, fax e, até mesmo, disponibilizam o pagamento por depósito identificado.As empresas reconhecem o transtorno causado com a paralisação, por isso, algumas estão postergando o prazo de pagamento de contas que venceriam nesta semana. A Vivo aceitará até o dia 22, o pagamento sem juros de contas com previsão de vencimento para o dia 19.Oficialmente, a Telefônica diz que antecipou a entrega das contas e irá se ater às datas de vencimento. Apesar disso, na central de atendimento da empresa, o cliente é informado que a empresa não irá cobrar juros.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VACINA
Saúde pede ao Butantan entrega 'imediata' de 6 milhões de doses
Caçadores são presos com armas, 138 munições e 300 quilos de carne
BONITO
Caçadores são presos com armas, 138 munições e 300 quilos de carne
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil ultrapassa 208 mil mortes por Covid, com 1.131 nas últimas 24 horas
CHAPADÃO DO SUL
Grávida é espancada pelo marido após ser flagrado com duas mulheres
COVID-19
Municípios de MS já estão cadastrados nos sistemas de vacinação
RIO VERDE
Polícia desenterra quase duas toneladas de drogas em fazenda
PREVIDÊNCIA
Prazo para recorrer de auxílio-doença negado termina neste sábado
CAPITAL
Homem não atende ao celular, é acusado de traição e apanha da esposa
PANDEMIA
Comitê altera decreto de combate a Covid em Rio Brilhante
DOURADOS
Portaria autoriza retomada das atividades presenciais na Câmara

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura corta mais de 400 cargos comissionados de uma só vez
CLIMA
Chuva alaga ruas no centro de Dourados após calor acima de 38°C
PEDRO JUAN
Policial é executado com tiros de fuzil na fronteira
BR-163
Homem morre após colidir carro de passeio contra caminhão