Menu
Busca sábado, 27 de novembro de 2021
Dourados
35°max
19°min
Campo Grande
32°max
21°min
Três Lagoas
35°max
22°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
DOURADOS

Conselho do Meio Ambiente aprova R$ 637 mil para solucionar quedas de árvores

25 novembro 2021 - 08h38Por André Bento

O Conselho Gestor do Fundo Municipal de Meio Ambiente de Dourados aprovou por unanimidade, no dia 18 de novembro, a liberação de aproximadamente R$ 637 mil para que uma empresa seja contratada com objetivo de solucionar as constantes quedas de árvores ocorridas na cidade. 

Essa informação consta na Ata nº 05/2021, publicada no Diário Oficial do Município de quarta-feira (24) com a descrição dos trabalhos realizados durante a quinta reunião ordinária.

De acordo com a publicação, os conselheiros foram unânimes na aprovação do recurso “para contratação de empresa especializada para manejo da arborização urbana, incluindo a supressão, destoca, plantio, conserto de calçada e destinação adequado dos resíduos”. 

Durante a reunião, coube à servidora Nayara Fonseca de Carvalho recordar que Dourados “declarou situação de emergência no mês de outubro, em decorrência das fortes chuvas e ventos que atingiram o município e que resultaram em sucessivas quedas de árvores e comprometimento de várias outras”. 

Ao advertir que o Plano Diretor de Arborização Urbana do Município “evidenciou a necessidade de realizar o manejo e supressão de centenas de árvores”, ela informou que o Imam (Instituto de Meio Ambiente) e a Secretaria Municipal de Obras Públicas “haviam iniciado os procedimentos necessários para dar início a um amplo processo de licitação para esse fim”, mas devido as consequências do temporal e após reunião com a Secretaria Municipal de Governo, “optou-se, como medida paliativa, pela contratação emergencial dos serviços de manejo das árvores, porém com um escopo menor”. 

Os orçamentos realizados pelo Setor de Compras da Secretaria Municipal de Administração foram apresentados pela conselheira Janaína Pereira Rocha, “cujo menor valor para contratação do serviço ficou em R$ 637.000,00”. 

Conforme já noticiado pelo Dourados News, o prefeito Alan Guedes (PP) expediu o Decreto nº 735 de 15 de outubro de 2021, para declarar situação de emergência em decorrência das fortes chuvas que atingiram o município naquela mesma data. 

Considerando “que a ocorrência do desastre compromete a capacidade de resposta do Município e que há necessidade de restabelecimento da ordem pública”, o chefe do Executivo declarou “a existência de situação de anormalidade, provocada por desastre e caracterizada como Situação de Emergência, no Município de Dourados – MS, provocada pelas fortes chuvas e ventos”.

Contudo, no dia 23 de outubro houve novo temporal e mais estragos aconteceram na cidade.

Para amenizar a situação, a prefeitura chegou a agendar para 16 de novembro a Tomada de Preços nº 9/2021, para contratar empresa especializada para operação do picador de galhos (fixo). Do tipo menor preço, com valor global estimado em R$ 1.367.683,08, essa licitação acabou revogada.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SEGURANÇA
Senado vai analisar projeto sobre gravação de ações policiais
POLÍTICA
Câmara pode votar na terça-feira PEC que mantém benefícios fiscais para empresas de tecnologia
ESPORTE
Brasil lidera quadro de medalhas nos Jogos Pan-Americanos Júnior
Motociclista fica ferida após passar sobre buraco e cair
DOURADOS
Motociclista fica ferida após passar sobre buraco e cair
Homem armado invade Pet Shop e leva dinheiro e celular
DOURADOS
Homem armado invade Pet Shop e leva dinheiro e celular
ARTIGO
Lamentam as mortes e agora vão pular carnaval?
EDUCAÇÃO
Ensino a distância conquista adeptos e aumenta após fim de restrições
DOURADOS
Ladrões retiram portão e furtam moto da garagem de residência
CAMPO GRANDE
Motorista bate em caçamba de entulho, é lançado para fora do carro e morre
DIREITO DO CONSUMIDOR
Procon/MS registra 107 procedimentos durante Black Friday

Mais Lidas

ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Jovem é preso após manter relacionamento com menina de 11 anos em Dourados
DOURADOS
Menina diz que mantinha relações sexuais com acusado de estupro desde os 10 anos
AÇÃO CONJUNTA
Dourados terá operação 'Lei Seca' para conter bebedeira no trânsito após final da Libertadores
DOURADOS
Acusado de estupro tem prisão preventiva decretada e é transferido para a PED