Menu
Busca domingo, 17 de janeiro de 2021
(67) 99659-5905

Conselho de Farmácia não quer aprovação de projeto de Ary Rigo

12 setembro 2003 - 12h56

O presidente do Conselho Regional de Farmácia, José Antônio Paniago, disse há pouco, que a categoria já está mobilizada para impedir a aprovação do projeto do deputado estadual Ary Rigo (PDT), que permite que técnicos de nível médio possam atuar nas farmácias de Mato Grosso do Sul. Segundo ele, membros do conselho já estão visitando os deputados estaduais para pedir a reprovação do projeto.“Esse projeto tira direito do cidadão a ser atendido por profissional de nível superior”, disse o presidente do conselho, segundo quem a matéria está tramitando na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça). A relatora é a deputada Simone Tebet (PMDB).Nas visitas aos parlamentares, os conselheiros estão alegando a “inconstitucionalidade” do projeto de lei. Em outros estados, os técnicos em farmácio chegaram a conseguir liminares, mas os conselhos conseguiram cassá-las nos órgãos judiciais colegiados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SISTEMA DE SAÚDE
Pacientes de Manaus continuam sendo transferidos para hospitais universitários federais
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Projeto altera requisitos exigidos para o cargo de diretor de presídio
SAÚDE
Lesão de continuidade na pele pode ser porta de entrada para bactérias
EDUCAÇÃO
Fapec seleciona profissionais para atuarem em projetos coordenados pela fundação
FUTEBOL
Com eleição adiada, Barcelona não deve ir ao mercado em janeiro
BRASIL
Ciclistas protestam contra morte de colega por motorista bêbado no Rio de Janeiro
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Projeto concede incentivo fiscal para quem patrocinar cirurgias no SUS
ESPORTES
Australian Open: tenistas são isolados após contatos com infectados
SAÚDE
Covid-19: entidade orienta sobre vacinação em pacientes reumáticos
FRONTEIRA
Homem é preso portando arma de fogo e munições em Ponta Porã

Mais Lidas

DOURADOS 
Jovem cai de moto e pede ajuda após levar facada
PANDEMIA 
Dourados tem oito mortes por Covid em 24 horas  
OPERAÇÃO
Polícia fecha "boca de fumo" comandada por família no Canaã IV
DOURADOS 
Prefeitura anula 75 das exonerações anunciadas no meio da semana