Menu
Busca domingo, 01 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

Cônjuge agressor poderá sair do lar imediatamente

29 outubro 2004 - 14h22

A Câmara vai analisar o Projeto de Lei 4233/04, do deputado Carlos Rodrigues (PL-RJ), que determina a saída imediata do cônjuge agressor do lar familiar em casos de maus-tratos, injúria grave ou atos de crueldade. Atualmente, o Código Civil estabelece motivos que podem caracterizar a impossibilidade da comunhão de vida, entre eles, o adultério, tentativa de morte, maus-tratos ou injúria grave, abandono voluntário do lar conjugal durante um ano contínuo, condenação por crime infamante e conduta desonrosa. Pela lei, o juiz poderá considerar outros fatos que tornem evidente a impossibilidade da vida em comum.Humilhações De acordo com Carlos Rodrigues, não é possível que a mulher, além de sofrer todas as humilhações decorrentes da agressão física, tenha que residir no mesmo lar em que seu agressor mora. "Uma vez recebida a denúncia ou o devido processo judicial de separação, o magistrado deve determinar a imediata saída do agressor do lar conjugal, preservando assim a integridade, física e moral, do cônjuge agredido", conclui o parlamentar. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PRIVACIDADE
Descumprir Lei de Proteção de Dados pode gerar punições a partir deste domingo (1)
Internações por Covid-19 seguem estáveis em Dourados
PANDEMIA
Internações por Covid-19 seguem estáveis em Dourados
Projeto fixa regras para perfis em redes sociais de pessoas falecidas
CIÊNCIA, TECNOLOGIA E COMUNICAÇÕES
Projeto fixa regras para perfis em redes sociais de pessoas falecidas
EDUCAÇÃO
Cursos gratuitos capacitarão mulheres em situação de vulnerabilidade
Fóssil de dinossauro é encontrado no interior de SP
GERAL
Fóssil de dinossauro é encontrado no interior de SP
POLÍCIA
Mais um é autuado em três dias por maus tratos ao deixar gado sem alimento
GERAL
Manifestações pelo voto auditável reúnem pessoas e várias capitais
ESPORTE
Em jogo frio, Caxias e Joinville não saem do zero pela Série D
INVESTIGAÇÃO
Exame de corpo de delito no marido de Joice Hasselmann não aponta lesões
POLÍCIA
Polícia Civil cumpre mandado de prisão por pensão alimentícia

Mais Lidas

PONTA PORÃ
Bilhete ao lado de corpo esquartejado indica próximos "alvos" de criminosos
PARAGUAI
Militares executados na fronteira eram sargentos da FTC
PANDEMIA
Dourados vai liberar acesso a estabelecimentos apenas para pessoas vacinadas
PANDEMIA
Homem e mulher são mais recentes vítimas da Covid-19 em Dourados