sexta, 23 de fevereiro de 2024
Dourados
24ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Como decorar o quarto de pessoas alérgicas

19 dezembro 2011 - 20h16

Cerca de 30% da população do Brasil sofre de algum tipo de alergia, segundo estimativa da Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia (Asbai). A manifestação mais comum é a asma, que acomete entre 10 e 25% dos brasileiros e é caracterizada por tosse, falta de ar, chiado nas vias respiratórias e dor no peito. Também é frequente a rinite, que se manifesta na forma de espirros, coceira e nariz entupido e escorrendo.

As causas mais comuns da alergia são pólen, poeira e pelos de animais. A mais recorrente é a alergia a ácaros, bichinhos microscópicos que moram em quase tudo que o humano põe a mão: cobertores, estofados e até animais. É por isso que não se recomenda que os alérgicos tenham bichos de estimação, especialmente aqueles são cobertos por pelos ou penas.

Não existe uma solução mágica para escapar da alergia, o ideal é evitar tudo aquilo que possa abrigar os ácaros. Então, o legal é investir em uma decoração clean: nada de tapetes, bichos de pelúcia nem cobertores de lã. As cortinas devem ser de tecido leve e fácil de lavar ou de persianas laminadas, daquelas que dá para limpar com um pano úmido. Tudo tem que se manter o mais limpo possível: o chão do quarto e o topo de prateleiras e eletrodomésticos devem ser limpos com um pano úmido. Esqueça os produtos de limpeza com cheiro forte – até eles podem desencadear crises alérgicas. Substitua cobertores pesados por edredons de fácil lavagem e troque a roupa de cama uma ou duas vezes por semana.

“É impossível encontrar algo 100% antialérgico, porque o contato do objeto com o corpo humano favorece a presença de ácaros”, explica a alergista Fátima Rodrigues Fernandes, presidente regional paulista da Asbai. Na falta de uma opção 100% segura, o mais garantido é investir em tecidos hipoalergênicos, ou seja, que provocam menos alergia. Tapetes felpudos, grossos ou com trama entrelaçada também ficam fora da lista. “O ideal é manter apenas um tapete pequeno ao lado da cama, que possa ser lavado com facilidade, na máquina de lavar mesmo”, completa a médica.

A arquiteta Paula Ferraz engrossa o coro: “Tendo pouco móveis no quarto, é difícil acumular poeira, que é o problema para os alérgicos”, opina. No projeto do Quarto do Mergulhador, para Casa Cor Sorocaba 2009, ela e sua sócia usaram piso de vidro, mais fácil de limpar. “As portas dos armários também são de vidro porque, dessa maneira, dá para limpar sempre: é só passar um pano com álcool e pronto.”

Como os ursinhos de pelúcia atraem poeira – e muitos ácaros – o melhor é evitá-los, mas quem tem filho pequeno sabe que isso pode ser o começo de uma pequena guerra doméstica. Uma solução criativa é colocá-los em caixinhas individuais de acrílico. Assim, além de protegidos eles podem ser usados como peças de decoração, dispostos nas prateleiras.

Para os tapetes, a regra é a mesma: melhor não ter, mas, se quiser, o preferível é que sejam o menos felpudo possível. E não há aspirador que vença. Escolha fibras naturais como juta ou sisal, que são mais fáceis de lavar e secam mais rapidamente. Ou opte pela grama sintética, que dá um ar divertido ao cômodo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem é preso após furto de carro, colisão em muro e furto de moto
IVINHEMA

Homem é preso após furto de carro, colisão em muro e furto de moto

JUSTIÇA ELEITORAL

Julgamento que pode cassar mandato de Sergio Moro começa em abril

Morador de MS é condenado a 17 anos de prisão por atos golpistas
8 DE JANEIRO

Morador de MS é condenado a 17 anos de prisão por atos golpistas

Confederação reforça parceria e destaca referência de MS no vôlei de praia
ESPORTES

Confederação reforça parceria e destaca referência de MS no vôlei de praia

Diretor de trânsito manda taxistas "quebrarem" motoristas clandestinos no pau
RIBAS DO RIO PARDO

Diretor de trânsito manda taxistas "quebrarem" motoristas clandestinos no pau

REGIÃO 

Reitoria manifesta apoio à luta da categoria técnico-administrativa da UFGD

CAPITAL

"Gangue das Mulheres" volta à ativa e duas são presas após furto em loja

STF

Flávio Dino toma posse como ministro do Supremo Tribunal Federal

CORUMBÁ

Bombeiros e Marinha socorrem jovem atacado por queixada no Pantanal

ATOS GOLPISTAS

Valdemar e Torres depõem na PF sobre tentativa de golpe; Bolsonaro se cala

Mais Lidas

TACURU

Servidores são indiciados por desvio de recursos públicos em cidade do interior do MS

DOURADOS

Família procura homem desaparecido desde a manhã desta segunda em Dourados

PROIBIÇÃO

Projeto que veda por mais 5 anos a captura e comercialização do Dourado passa pela CCJR

PARTIDAS DOBRADAS

Operação cumpre mandado em Dourados e mira esquema que movimentou R$ 200 mi em notas frias