Menu
Busca quarta, 14 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Começa credenciamento de novos laboratórios

27 maio 2005 - 15h55

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - MAPA - está abrindo para a iniciativa privada a possibilidade de credenciamento de laboratórios capazes de prestar serviço para segmentos importantes como o da produção de leite e, dessa forma, atender as inúmeras exigências da Instrução Normativa 51, que estimula a produção de leite de qualidade.Em Mato Grosso do Sul, alguns laboratórios receberam uma primeira visita da coordenadora de Laboratórios do MAPA, Maria Artiaga, acompanhada de representantes da Câmara Setorial de Leite de Mato Grosso do Sul e técnicos da Superintendência Federal de Agricultura -SFA/MS. Entre as unidades laboratoriais que se apresentaram para a inspeção estão a da UCDB, Uniderp, UFMS, UEMS, todas em Campo Grande, e uma em Dourados.Maria Artiaga explicou na oportunidade que são diversas as exigências feitas para que o Ministério da Agricultura aprove e credencie laboratórios para a realização de exames como os que são exigidos pela Instrução Normativa 51. Ela informou, na ocasião que, da forma como estão hoje,  nenhum dos laboratórios visitados no Estado atende as exigências, mas citou o caso do Laboratório de Análises da Universidade Católica Dom Bosco, como o que melhor poderá atender essas exigências. Porém serão necessárias algumas providências, que implicam em investimentos por parte da instituição.A UCDB está disposta a investir, segundo informou o professor Walter Oshiro, que é responsável por este segmento na universidade católica. Esta semana ele terá uma reunião com a reitoria da universidade para que comecem a ser definidas as providências necessárias, desde que se defina efetivamente pelo interesse em que o laboratório da UCDB seja credenciado.De acordo com a médica-veterinária Maria Aparecida P. de Oliveira, da SFA/MS, que coordenado o Programa Nacional de Melhoria da Qualidade do Leite em Mato Grosso do Sul, está sendo realizado também um amplo recadastramento das indústrias e dos produtores de leite de Mato Grosso do Sul, além de terem sido elaboradas cartilhas abordando aspectos importantes da Instrução Normativa nº 51 e que precisam ser de conhecimento tanto dos produtores como das 45 indústrias do setor leiteiro sul-matogrossense. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONORA
Acusado de matar a ex-mulher com 10 facadas é preso se escondendo em cemitério
JUDICIÁRIO
Plenário do STF mantém decisão que determinou instalação da CPI da Covid
PEDRO JUAN
Atingido a tiros por pistoleiros, homem dirige caminhonete até hospital
Saúde de MS recebe 45.416 medicamentos do kit intubação
COVID-19
Saúde de MS recebe 45.416 medicamentos do kit intubação
Veículos carregados com contrabando são apreendidos
OPERAÇÃO HÓRUS
Veículos carregados com contrabando são apreendidos
CORONAVÍRUS
Com estoque em situação crítica de 'kit intubação', Dourados segue com UTIs lotadas
INFRAESTRUTURA
Governo de MS renova corredores de ônibus em Dourados
Motorista atropela e mata atual marido da ex e deixa bebê em estado grave
UEMS
Divulgado resultado preliminar para seleção de tutores e professores 
BRASIL
Anvisa diz que prazo para liberar vacinas tem a ver com documentação

Mais Lidas

RIO BRILHANTE
Soldado da Polícia Militar é encontrado morto no interior de residência
IZIDRO PEDROSO
Estado doará terrenos e busca parceria para construir casas populares em Dourados
DOURADOS
Homem encontrado morto pode ter envolvimento em esquema de agiotagem internacional
CASA PRÓPRIA
Prefeitura abre recadastramento habitacional em Dourados