Menu
Busca terça, 11 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Clodoaldo bate recorde mundial e leva 2º ouro em Atenas

21 setembro 2004 - 12h51

Clodoaldo Silva mais uma vez confirmou as expectativas que o colocam como um dos principais atletas do Brasil nas Paraolimpíadas de Atenas. Nesta terça-feira, o nadador venceu a prova de 200 m livre classe S4 (para competidores com paralisia cerebral), quebrou o recorde mundial e conquistou a sua segunda medalha de ouro na Grécia.O brasileiro completou a piscina em 2min55s75, quase três segundos mais rápido do que a antiga marca mundial (2min58s62), que havia sido estabelecida pelo japonês Yuji Hanada, no ano passado. O recorde paraolímpico anterior era também de Clodoaldo: 2min58s81 nadados em uma eliminatória disputada na manhã desta terça-feira.Um dos dois nadadores que não largaram de dentro da piscina, o brasileiro assumiu a liderança logo nos primeiros metros da prova. Hanada, que estava na raia ao lado, conseguiu emparelhar até os 25 m, quando Clodoaldo começou a abrir distância.A maior disputa da prova foi pelo segundo lugar. O japonês começou a diminuir o ritmo, deixando o espanhol Richard Oribe se aproximar. No final, Oribe conseguiu ultrapassar Hanada e levar a prata -mais de sete segundos após o brasileiro.Este já é o segundo ouro de Clodoaldo em Atenas. No último domingo, nos 100 m livre, o brasileiro também foi o mais rápido e levou o ouro. Naquela prova (mas nas eliminatórias), o brasileiro também quebrou o recorde mundial. Coincidentemente, o pódio foi formado pelos mesmos atletas que ganharam medalhas nesta terça; daquela vez, porém, Hanada foi o segundo e Oribe o terceiro.O nadador, que recebeu o apelido de "Michael Phelps brasileiro", também competiu nos 50 m costas em Atenas, na última segunda-feira, mas fez apenas o quarto tempo e ficou sem medalha. Clodoaldo, porém, ainda terá a chance de levar mais cinco medalhas em outras provas nas Paraolimpíadas.Os outros dois brasileiros que chegaram a finais masculinas não foram bem e ficaram sem medalhas. Genezi Andrade ficou em sexto lugar nos 200 m livres S3. Nos 100 m borboleta S11, o brasileiro André Meneghetti fez o pior tempo dos oito nadadores que chegaram à final.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PARANAÍBA
Jovem mata ex-namorado da mãe a facadas após presenciar agressão
SENADO
CPI vai questionar negociações do Itamaraty para garantir cloroquina
ANHANDUÍ
Pedestre morre após ser atropelado por caminhão baú na BR-163
IMUNIZANTES
Saúde receberá 8,2 milhões de doses de vacina até sexta-feira
Homem que abusou da mulher é denunciado por estuprar a filha
FUTEBOL
Costa Rica vence Aquidaunense e retoma a liderança do Estadual
CRIME AMBIENTAL
Animais são abandonados, morrem e mulher é multada em R$ 4 mil
JUSTIÇA
Juiz determina que Carla Zambelli tire vídeo da canção 'Milla' do ar
CAPITAL
Homem morre após cair de três metros ao conferir estoque de loja
TJ/MS
Concurso Extrajudicial terá audiência pública no dia 27 de maio

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
INDÁPOLIS
Homem assassinado em distrito sofreu vários golpes de facão e teve mão decepada
DOURADOS
Juiz manda Câmara exonerar nomeados e realizar novo concurso público