Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
EDUCAÇÃO

UEMS oferecerá Pós-graduação em Segurança Pública e Fronteiras

02 março 2020 - 21h05Por Da Redação

A UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) publicou o Edital para o Processo Seletivo para a Pós-graduação lato sensu em Segurança Pública e Fronteiras. Esta é a primeira vez que a Especialização é oferecida pela Instituição. O Curso é realizado em cooperação com o Coised (Conselho Institucional de Segurança de Dourados).

O Edital foi publicado na edição desta segunda-feira (2) do Diário Oficial do Estado (DOE). Confira aqui.

A Especialização é voltada para portadores de Diploma de Graduação em qualquer área do conhecimento, profissionais da área de Segurança Pública, vinculados ao COISED. O Curso terá carga horária de 360 horas. As aulas têm início no mês de abril de 2020.

O Corpo Docente da Especialização é composto de 50% de professores efetivos da UEMS e 50% de instrutores dos órgão de segurança pública vinculados ao Coised.

O curso será na Unidade Universitária de Dourados e serão ofertadas 40 vagas.

De acordo com o Edital, o processo seletivo será composto por cinco etapas:

ETAPA 1 - Inscrição ao processo de pré-seleção a ser realizado pelo Coised, cujos requisitos e fases encontrar-se-ão em Edital Interno da referida Instituição;

ETAPA 2 - Encaminhamento, pelo Coised, da relação dos candidatos selecionados na Etapa 1;

ETAPA 3 - Análise da documentação e homologação das inscrições pela Comissão do Processo Seletivo (CPS), composta por docentes da Pós-Graduação lato sensu em Segurança Pública e Fronteiras;

ETAPA 4 - Avaliação do Pré-projeto e análise, pela CPS, em caráter classificatório, do currículo (devidamente documentado e atualizado nos últimos 3 (três) anos (2017, 2018 e 2019), conforme pontuação do Anexo I, que deverá ser previamente preenchido pelo candidato, sendo que a maior pontuação obtida dentre os candidatos será equivalente à 10 (dez) e a menor a 1 (um), distribuindo-se as demais pontuações proporcionalmente entre estes limites.

ETAPA 5 - Homologação do resultado final.

O Coised é formado por representantes do Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS), Exército Brasileiro, Receita Federal, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar, Agência Penitenciária Estadual de Dourados, Polícia Federal, Guarda Municipal de Dourados, Departamento de Operações de Fronteira (DOF), Polícia Rodoviária Estadual, Unidade Regional de Perícias e Identificação, Instituto Médico Legal (IML) e Corpo de Bombeiros.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Homem é encontrado morto com tiro no pescoço em bairro da Capital
BRASIL
Presidente Bolsonaro sanciona lei que amplia uso de assinatura digital
MARACAJU
Polícia apreende mais de 500 quilos de maconha em veículo abandonado
MS
Investigação aponta fazendas onde começou incêndio gigantesco no Pantanal
ANTÔNIO JOÃO
Casal é preso na região de fronteira com 126 quilos de cocaína
UEMS
Publicado Edital da Segunda Edição do Auxílio para Acesso à Internet
CAPITAL
Motorista que levou dois tiros foi atacado em local conhecido como "Buracão"
PARQUE
Ação conjunta vai resgatar animais silvestres na área atingida pelos incêndios
BONITO
Indígenas "fecham" unidade da Funai em protesto contra nomeação
TJ/MS
Justiça permite troca de sobrenome de infantes para homenagear avô

Mais Lidas

DOURADOS
Carro carregado com calhas capota após colisão e mulher fica ferida
PARANÁ
Traficante Elias Maluco é encontrado morto em presídio federal
PEDRO JUAN
Terror na fronteira: três veículos de luxo são incendiados em pontos distintos
PANDEMIA
Prefeitura e MPE entram em acordo para retorno das aulas presenciais na rede privada