Menu
Busca domingo, 12 de julho de 2020
(67) 99659-5905
CARTÓRIOS

Tribunal de Justiça abre concurso para Serviços Notários e Registrais

07 janeiro 2020 - 06h57Por Da Redação

Começa nesta terça-feira, dia 7 de janeiro de 2020, o prazo para inscrições no V Concurso Público para a outorga de delegação de serviços notariais e registrais do Poder Judiciário do Estado de Mato Grosso do Sul, realizado pelo TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), por meio da banca Instituto Consulplan. A prova objetiva está marcada para o dia 19 de abril de 2020. O edital está publicado no Diário da Justiça do dia 02 de dezembro.

As inscrições poderão ser efetuadas no site www.institutoconsulplan.org.br até as 16 horas do dia 20 de fevereiro de 2020. O valor da taxa de inscrição será de R$ 300 até o dia 21 de fevereiro de 2020, em qualquer banco, bem como nas casas lotéricas e Correios, observados os horários de atendimento e das transações financeiras de cada instituição, ou ainda por meio de Internet Banking ou caixa eletrônico.

Foram abertas 54 vagas a serem preenchidas, sendo 36 por provimento e 18 por remoção. Do total de vagas disponíveis, 5% é reservado para Pessoas com Deficiência – PcD.

Das vagas com ingresso por remoção, poderão se inscrever os titulares de serventias extrajudiciais do Estado de Mato Grosso do Sul que já tenham a delegação por mais de dois anos. Das vagas com ingresso por provimento poderão se inscrever candidatos que tenham concluído a graduação em Direito ou candidatos que tenham exercido por dez anos completos função em serviço notarial ou de registro.

O Concurso Público será efetuado mediante aplicação de provas objetiva de seleção, escrita e prática, oral e de títulos, em que serão avaliados os conhecimentos e/ou habilidades técnicas dos candidatos sobre as matérias relacionadas à atividade Notarial e de Oficial de Registro.

A prova objetiva de seleção terá 100 questões, com quatro alternativas de resposta cada uma, sendo apenas uma a correta, e será realizada no dia 19 de abril de 2020.

A Comissão Organizadora do Concurso é composta pelo Corregedor-Geral de Justiça, Des. Sérgio Fernandes Martins, que a preside; pelos juízes de Direito Alexandre Branco Pucci, Fernando Paes de Campos e Renato Antonio de Liberali; pelo representante do Ministério Público, Procurador de Justiça Edgar Roberto Lemos Miranda; pelo representante da Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Mato Grosso do Sul, Sérgio Silva Muritiba, e pelos representantes dos titulares das Serventias Extrajudiciais Notarial, Ricardo Kling Donini, e Registral, Juan Pablo Corrêa Gossweiler.

A Comissão Organizadora do Concurso tem como suplentes a Desa. Elizabete Anache; os juízes de Direito Fernando Chemin Cury, Fábio Possik Salamene e César Castilho Marques; o representante do Ministério Público, promotor de justiça Fábio Ianni Goldfinger; representante da Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Mato Grosso do Sul, Carla Guedes Cafure, e os representantes dos titulares das Serventias Extrajudiciais, notário Ely Ayache e registrador José Paulo Baltazar Júnior.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME AMBIENTAL
Comerciante leva multa de R$ 37 mil por desmatamento em Bela Vista
BELEZA
Especialista revela o porque da procura por dentistas para realizar aplicações de botox
DIREITOS HUMANOS
Estatuto da Criança e do Adolescente ganhará versão em Libras
R$ 863 MIL
Prefeito da Capital anuncia compra de “kit prevenção” à Covid-19
ESPORTES
Sob forte chuva, Hamilton garante pole position no GP de Estíria
ESPORTES
Comitê Olímpico confirma Missão Europa na próxima sexta-feira
CORONAVÍRUS
Deputados podem votar projeto de indenização a profissionais de saúde na terça
PANDEMIA
Surto de Covid-19 nas Américas está longe de acabar, dizem cientistas
JUSTIÇA
Ronaldinho Gaúcho tem recurso negado e segue preso no Paraguai
PMA
Pescadores de São Paulo são autuados por crime ambiental em MS

Mais Lidas

ACIDENTE DE TRABALHO
Douradense morre após ser atingido na cabeça por peça de elevador de 20kg
DOURADOS
“Ele não conseguiu terminar o último plantão”, diz esposa de médico vítima da Covid
PANDEMIA
Em dia com quase 100 novos casos, Dourados tem mais uma morte por coronavírus
PANDEMIA
Pesquisadores veem medidas sem efeito e sugerem lockdown em Dourados