Menu
Busca quarta, 01 de dezembro de 2021
Dourados
34°max
19°min
Campo Grande
32°max
19°min
Três Lagoas
35°max
21°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
CLIMA

Tempo muda nas próximas horas e há risco de temporal em Mato Grosso do Sul

28 outubro 2020 - 17h05Por Da Redação

O tempo em Mato Grosso do Sul seguirá estável nesta quarta-feira (28) com pancadas de chuvas isoladas nas áreas norte e bolsão. Mas a meteorologia indica mudanças que podem ocorrer no tempo já nas primeiras horas de quinta-feira (29).

A previsão para amanhã é de chuva desde cedo, e segundo o Climatempo a situação é de perigo. Há risco de temporais, chuva forte e volumosa, condições atmosféricas favoráveis para ocorrência de vendaval e muitos raios a qualquer hora no centro-sul e oeste do Estado, inclusive na capital Campo Grande, em Ponta Porã, na divisa do estado com o Paraná e toda a região do pantanal. Nestas áreas, o amanhecer será debaixo de muita chuva e rajadas de vento. Há possibilidade de queda de granizo.

Essas condições adversas são provocadas por um amplo cavado na média troposfera avança sobre a Argentina e combinado com a intensificação do jato de baixos níveis favorece a ocorrência de tempestades de forte intensidade entre o Paraguai, centro-sul de Mato Grosso do Sul, oeste de São Paulo e áreas do Paraná, aponta o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC).

A atuação deste cavado vai favorecer forte declínio de temperatura já na quinta-feira (29), principalmente entre o norte da Argentina, Paraguai, oeste do Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e extremo oeste de São Paulo. Entre quinta (29) e sexta-feira (30) a frente fria deverá se deslocar pelo Sudeste, Mato Grosso e atingir o sul da Região Amazônica, provocando declínio de temperatura.

O modelo de previsão numérica do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) indica chuvas de moderada a forte intensidade (colorações em amarelo a roxo) nas próximas 48 horas, a contar das 00h de quinta-feira (29). Estima-se que o deslocamento do sistema atmosférico seja rápido e assim provocando picos de rajadas de vento.

Entre os cuidados que a população precisa ter com as chuvas e ventos fortes que podem ocorrer estão: não estacionar embaixo de árvores, placas de propaganda e torres de transmissão, pois há risco de queda; Não subir nos telhados após a chuva, não enfrentar pontos de alagamentos ou enxurradas, procurar rotas alternativas; se estiver no trânsito, buscar abrigo em local seguro para esperar a chuva passar, caso não seja possível  dirija devagar, acenda o farol baixo e mantenha distância de veículos a sua frente; não ficar em pontos altos como morros ou topos de prédios e não se abrigar embaixo de estruturas metálicas.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Defesa pede para Câmara reempossar vereador acusado de violência doméstica
DOURADOS
Defesa pede para Câmara reempossar vereador acusado de violência doméstica
Faturamento da indústria cai pelo terceiro mês seguido, diz CNI
ECONOMIA
Faturamento da indústria cai pelo terceiro mês seguido, diz CNI
Aulas na Rede Estadual começam na primeira semana de março
CALENDÁRIO ESCOLAR
Aulas na Rede Estadual começam na primeira semana de março
Desembargador restabelece liminar que suspende apuração de quebra de decoro contra Diogo Castilho
DOURADOS
Desembargador restabelece liminar que suspende apuração de quebra de decoro contra Diogo Castilho
Seleção Feminina enfrenta o Chile em busca do título do Torneio Internacional de Manaus
FUTEBOL FEMININO
Seleção Feminina enfrenta o Chile em busca do título do Torneio Internacional de Manaus
PARAGUAI
Mecânico executado na fronteira possuía metralhadora e droga em casa
Happy Hour
Show da Maiara e Maraísa marca retomada de grandes eventos no dia 07, em Dourados
LEGISLATIVO DE MS
Após emedebista seguir para governo, suplente toma posse na Assembleia na sexta
ABIGEATO
Suspeito de furto de gado é preso e animais devolvidos ao dono em Nioaque
CRIMES
Foragido que cometeu vários furtos é preso em Aral Moreira

Mais Lidas

ITAPORÃ
Ciclista morta após ser atropelada por carreta é identificada
DOURADOS
Família procura por jovem que saiu de casa há mais de um mês e não retornou
CAPITAL
PRF que atirou em homem no interior de motel é encontrado morto
TRAGÉDIA
Caminhoneiro que morreu em acidente na Serra de Maracaju era douradense