Menu
Busca domingo, 29 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
CLIMA

Tempo muda nas próximas horas e há risco de temporal em Mato Grosso do Sul

28 outubro 2020 - 17h05Por Da Redação

O tempo em Mato Grosso do Sul seguirá estável nesta quarta-feira (28) com pancadas de chuvas isoladas nas áreas norte e bolsão. Mas a meteorologia indica mudanças que podem ocorrer no tempo já nas primeiras horas de quinta-feira (29).

A previsão para amanhã é de chuva desde cedo, e segundo o Climatempo a situação é de perigo. Há risco de temporais, chuva forte e volumosa, condições atmosféricas favoráveis para ocorrência de vendaval e muitos raios a qualquer hora no centro-sul e oeste do Estado, inclusive na capital Campo Grande, em Ponta Porã, na divisa do estado com o Paraná e toda a região do pantanal. Nestas áreas, o amanhecer será debaixo de muita chuva e rajadas de vento. Há possibilidade de queda de granizo.

Essas condições adversas são provocadas por um amplo cavado na média troposfera avança sobre a Argentina e combinado com a intensificação do jato de baixos níveis favorece a ocorrência de tempestades de forte intensidade entre o Paraguai, centro-sul de Mato Grosso do Sul, oeste de São Paulo e áreas do Paraná, aponta o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC).

A atuação deste cavado vai favorecer forte declínio de temperatura já na quinta-feira (29), principalmente entre o norte da Argentina, Paraguai, oeste do Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e extremo oeste de São Paulo. Entre quinta (29) e sexta-feira (30) a frente fria deverá se deslocar pelo Sudeste, Mato Grosso e atingir o sul da Região Amazônica, provocando declínio de temperatura.

O modelo de previsão numérica do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) indica chuvas de moderada a forte intensidade (colorações em amarelo a roxo) nas próximas 48 horas, a contar das 00h de quinta-feira (29). Estima-se que o deslocamento do sistema atmosférico seja rápido e assim provocando picos de rajadas de vento.

Entre os cuidados que a população precisa ter com as chuvas e ventos fortes que podem ocorrer estão: não estacionar embaixo de árvores, placas de propaganda e torres de transmissão, pois há risco de queda; Não subir nos telhados após a chuva, não enfrentar pontos de alagamentos ou enxurradas, procurar rotas alternativas; se estiver no trânsito, buscar abrigo em local seguro para esperar a chuva passar, caso não seja possível  dirija devagar, acenda o farol baixo e mantenha distância de veículos a sua frente; não ficar em pontos altos como morros ou topos de prédios e não se abrigar embaixo de estruturas metálicas.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ELEIÇÕES 2020
TSE diz que 194 urnas foram substituídas
Bolsonaro vota em escola na Zona Oeste do Rio
ELEIÇÕES 2020
Bolsonaro vota em escola na Zona Oeste do Rio
CAPACITAÇÃO
Secretaria de Estado de Saúde realiza 4° Meeting Nacional de Farmácia Clínica
Detento foge de presídio enquanto pintava muro
NOVA ANDRADINA
Detento foge de presídio enquanto pintava muro
Candidatos votam no Rio; juiz negocia fim de paralisação de ônibus
ELEIÇÕES 2020
Candidatos votam no Rio; juiz negocia fim de paralisação de ônibus
PANDEMIA
Mulher morre e Dourados chega a 119 óbitos por Covid-19 e 9.913 casos confirmados
ELEIÇÕES 2020
TSE mantém protocolos sanitários no segundo turno
MS-141
Jovem morre em colisão entre carro e caminhão
LOTERIA
Ninguém acerta a Mega-Sena e prêmio principal acumula em R$ 7 milhões
LEVANTAMENTO
Trabalhadores com CNPJ representam 34,3% dos ocupados em MS

Mais Lidas

DOURADOS
Com leitos de UTI's lotados, prefeitura aumenta toque de recolher e manda fechar clubes
DOURADOS
Primeira noite com novo toque de recolher tem flagrante de festa com 119 adolescentes
DOURADOS
Decreto é republicado por incorreção, agora com brechas para esporte coletivo e boliche
DOURADOS
Homem é preso com arma após ex-namorada correr até viatura da PM e denunciar ameaça