Menu
Busca quarta, 28 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
OPERAÇÃO LUZ NA INFÂNCIA

Suspeitos de pedofilia presos em MS passavam 13 horas assistindo pornografia infantil

23 outubro 2017 - 11h42Por da Redação

A investigação sobre o crime de pedofilia, em Campo Grande, apontou que os suspeitos passavam, em média, 13 horas ao dia tendo acesso a este tipo de conteúdo na internet, conforme noticiou hoje o portal G1/MS.

Segundo a delegada Marília de Brito, responsável pelas investigações, os homens presos em flagrante "assistiam, baixavam e compartilhavam pornografia infantil". Eles já foram indiciados e passam, conforme a polícia, por audiência de custódia na manhã desta segunda-feira (23).

De acordo com Brito, os alvos mantinham um grande fluxo das 8h30 às 21h30, com computadores conectados.

"O trabalho da inteligência foi fundamental para localizarmos estes alvos, embora eles tivessem muitos subterfúgios para esconder o material pornográfico. E um deles, o advogado de 64 anos, ressaltou que não assistia todos os dias, porém, a culpa seria da polícia por deixar este conteúdo disponível", ressaltou a delegada ao portal.

O suspeito responderá por infringir dois artigos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), artigos 241 A e B.

Já o homem de 27 anos foi indiciado por posse irregular de arma de fogo, tráfico de drogas e infringir também o ECA, armazenando e compartilhando tal conteúdo. "É uma ação bem ampla e hoje estaremos realizando uma vídeoconferência com outros estados, para atualizar toda a operação", finalizou a delegada.

A ação foi deflagrada a partir de uma parceria da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) fez parceria com a Polícia Civil dos estados. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SEGUNDA RODADA
Serc encara Juventus pelo Brasileiro Feminino de futebol
ECONOMIA
Governo autoriza Petrobras a importar gás da Bolívia
ALDEIA JAGUAPIRU
Acusada de matar o marido se apresenta para depoimento
DOURADOS
Vereador que perdeu mandato terá recurso julgado pelo STJ a dois meses do fim da legislatura
PANDEMIA
Com quase 3 mil casos sem encerramento, secretário pede que municípios atualizem plataforma
LEGISLATIVO DE MS
Parlamentares devem votar três propostas na sessão ordinária desta quarta-feira
INFORME PUBLICITÁRIO
Tártaro: O que é? Como ele é formado? Quais os tratamentos? Como evitar esse problema?
ARTISTA PLÁSTICA
Artes em fachadas
ARTIGO
Sobre a importância dos desenhos das crianças
EDUCAÇÃO
Começa hoje a edição virtual da Semana de Ciência e Tecnologia de MS

Mais Lidas

DOURADOS
Enquanto filma chuva, interno mostra ‘plantação’ de maconha em cela da PED
GRANDE DOURADOS
Cobertura de barracão de cerealista ‘voa’ com o vento; veja vídeo
BR-463
Homem para carro em bloqueio, desce atirando e morre em confronto com a polícia
DOURADOS
Délia decreta emergência por causa de danos provocados pela tempestade