Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
(67) 99659-5905
MATO GROSSO DO SUL

Seminário discute políticas públicas para pessoas com deficiência

19 setembro 2019 - 11h57Por Da Redação

O “I Seminário Estadual de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência”, realizado pela Secretaria Especial de Cidadania (Secid) reuniu na tarde de quarta-feira (18.9) cerca de 200 participantes, entre autoridades, gestores públicos, representantes de entidades que atendem pessoas com deficiência, mães de crianças e adolescentes com deficiência, pessoas surdas, cegas, com deficiência física, doenças raras e operadores do direito, uma vez que o evento tem a parceria da OAB/MS e Defensoria Pública de Mato Grosso do Sul. O evento faz parte das comemorações do Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, que é 21 de setembro,

A abertura do seminário foi feita por alunos do Clube de Música e da disciplina eletiva “Sentindo na Pele”, da Escola Estadual Manoel Bonifácio Nunes da Cunha, que apresentaram duas músicas interpretadas em libras, reforçando a mensagem de escola inclusiva, respeitando as limitações e o jeito particular de ser dos alunos com deficiência regularmente matriculados.

A discussão sobre o tema “Direitos e Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência” foi iniciada pelas expositoras Shirley Vilhalva (professora e pesquisadora), Telma Nantes (coordenadora do ISMAC) e Jerusa Ferreira (advogada da AGU), com a mediação do defensor público estadual Mateus Sutana e Silva. A participação da plateia foi intensa e foram feitas diversas colocações para a construção de propostas a serem inseridas num plano de trabalho da Secretaria.

O objetivo do evento, conforme a secretária especial Luciana Azambuja, é “abrir um espaço de discussão sobre as barreiras do dia-a-dia e as dificuldades para o pleno exercício da efetiva cidadania, num debate qualificado onde os próprios usuários podem solicitar demandas específicas, que serão consideradas num plano estratégico de trabalho e na construção de políticas públicas para pessoas com deficiência”.

Dentre as várias colocações feitas, destacamos os pedidos para a formação e capacitação continuada de agentes públicos de áreas como saúde e educação; realização de um censo para mapear quais as deficiências e onde estão essas pessoas; necessidade de acessibilidade, como piso tátil para pessoas cegas, calçadas regulares para pessoas cadeirantes, intérpretes em libras para pessoas surdas.

O seminário continua nessa manhã (19.9) com o tema “Inserção da pessoa com deficiência no mercado de trabalho”, visando provocar a discussão sobre a empregabilidade da pessoa com deficiência, sua capacitação e qualificação, as condições dignas de emprego e a eficácia da lei de cotas.

O “I Seminário Estadual de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência” é uma realização: Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio da Secretaria de Estado de Governo (Segov) e Subsecretaria Especial da Cidadania e está ocorrendo no auditório do SEBRAE, das 8h às 12h, com entrada gratuita e certificação pela Escola Superior da Defensoria Pública de Mato Grosso do Sul.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Mais um município pede reconhecimento do estado de calamidade pública em MS
RIO BRILHANTE
Carga de cigarros contrabandeados é apreendida na BR-163
EDUCAÇÃO
UFGD dará início a aulas remotas em um mês
BRASIL
José Serra é denunciado por lavagem de dinheiro
IVINHEMA
Empresa de pulverização de agrotóxico é autuada em R$ 10 mil por descumprimento de embargo
PANDEMIA
MS se aproxima de 9,4 mil casos de coronavírus e soma 107 óbitos
DOURADOS
Planejamento suspende alvará de sete comércios por desobediência aos decretos da Covid-19
31 VÍTIMAS
Com novos óbitos, Dourados supera projeção de pesquisadores sobre crescimento de mortes por Covid-19
ITAPORÃ
Polícia apreende cargas de cigarros avaliadas em R$ 160 mil
DROGAS
PF incinera 25 toneladas de maconha, neste ano já foram 90t

Mais Lidas

DOURADOS
Decretos sobre aglomerações, igrejas e comércio terão mais 10 dias de vigência
PANDEMIA
Dourados tem quatro mortes por Covid em 24 horas, uma das vítimas médico
DOURADOS
Comerciante encontra homem morto ao chegar para abrir estabelecimento
20 VEÍCULOS
"Bonde do contrabando" é apreendido abarrotado de produtos do Paraguai