Menu
Busca terça, 01 de dezembro de 2020
(67) 99659-5905
JUSTIÇA

Semana da Conciliação 2020 será de 30 de novembro a 4 de dezembro

29 outubro 2020 - 06h48Por Da Redação

De 30 de novembro a 4 de dezembro de 2020, será realizada 15ª edição da Semana Nacional de Conciliação, com o objetivo de mobilizar operadores do direito e a sociedade para disseminar a conscientização e a cultura conciliatória como mecanismo eficiente para efetiva prestação jurisdicional. No Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul a ação será de responsabilidade do coordenador de Conciliação do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec), Desembargador Vladimir Abreu da Silva, e do juiz Cezar Luiz Miozzo.

Participarão da ação todas as comarcas e varas do Estado que permitam a conciliação e, em segundo grau de jurisdição, os desembargadores que decidirem aderir ao movimento podem participar, mediante comunicação à comissão coordenadora.

Os interessados na inclusão do processo na Semana de Conciliação podem requerer junto ao cartório até o dia 13 de novembro de 2020 para que este providencie as intimações necessárias depois de designada a audiência pelo juiz. O pedido de inclusão do processo na pauta de conciliação poderá ser feito posteriormente a esta data, até o início da mobilização, desde que as partes e seus advogados se comprometam a comparecer à audiência, independentemente de intimação. As ações com audiências designadas para a Semana da Conciliação serão selecionadas pelos magistrados.

A parte também poderá requerer a inclusão de seu processo na Semana da Conciliação por meio da página eletrônica do Tribunal de Justiça, no banner disponibilizado no Portal do TJMS (https://www.tjms.jus.br/conciliacao/agendamento.php).

Nas causas patrocinadas pela Defensoria Pública e naquelas em que há intervenção do Ministério Público, as audiências deverão ser agendadas de modo a viabilizar a presença do Defensor Público e do representante do Ministério Público, tanto no primeiro como no segundo grau.

Se a conciliação resultar num acordo entre as partes, este será homologado pelo juiz de Direito ou desembargador que presidir o feito.

A 15ª Semana Nacional da Conciliação no Poder Judiciário de MS está normatizado pelo Provimento n. 506, de 27 de outubro de 2020.

Saiba mais

No ano passado, a mobilização ocorreu de 4 a 8 de novembro, sendo realizadas 2.858 audiências em MS, que totalizaram R$ 6.644,660,59 em acordos homologados pela justiça.

A conciliação pode ser utilizada em quase todos os casos: pensão alimentícia, divórcio, desapropriação, inventário, partilha, guarda de menores, acidentes de trânsito, dívidas em bancos e financeiras e problemas de condomínio, entre vários outros.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA FEDERAL
Minotauro e esposa tornam-se réus em mais uma ação por corrupção ativa
PGM entrega relatório com mais de 600 páginas a comissão
TRANSIÇÃO DE MANDATO
PGM entrega relatório com mais de 600 páginas a comissão
Homenagens para honrar o luto de seu pet
INFORME PUBLICITÁRIO
Homenagens para honrar o luto de seu pet
OPORTUNIDADE
IFMS oferece auxílio para trabalhos desenvolvidos por estudantes da pós-graduação
CNA prevê aumento da produção do agronegócio no próximo ano
ECONOMIA
CNA prevê aumento da produção do agronegócio no próximo ano
INOCÊNCIA
Homem acaba preso após ameaçar grávida e chutar portão de residência  
PANDEMIA 
Ministério da Saúde concluirá plano de vacinação após registro de imunizantes
MATO GROSSO DO SUL
Reinaldo pede inclusão de rodovia Sul-fronteira no Orçamento da União
ALEMS
Aprovado projeto do deputado Marçal Filho que identifica autistas no RG
DIREITOS
Comafro convoca movimentos para definir nova composição nesta quarta-feira

Mais Lidas

PODER PÚBLICO
Gaeco volta às ruas de Dourados com nova operação
POLICIAL
Criminoso imita abordagem de polícia para cometer roubo em Dourados
BR-376
Acidente entre Dourados e Fátima do Sul deixa um morto e dois feridos
PANDEMIA
Covid volta a matar e Dourados acumula 120 vítimas da doença