Menu
Busca sábado, 05 de dezembro de 2020
(67) 99659-5905
MATO GROSSO DO SUL

Proposta prevê isenção para compra de armas a profissionais da segurança

03 outubro 2017 - 19h50Por Da Redação

Projeto de Lei apresentada nesta terça-feira (3) na Assembleia Legislativa prevê isenção do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) na compra de armas de fogo por policiais militares, civis, agentes penitenciários e bombeiros de Mato Grosso do Sul.

Na proposta, fica estabelecido que o governo do Estado adotará normas tributárias para conceder a isenção do imposto para aquisição de uma arma a cada cinco anos, autorizados por lei a possuir e portar a mesma, para uso em serviço ou fora dele, dentro dos limites da legislação vigente.

A carga tributária das armas chega a 70% sobre o valor do produto. “A arma de fogo é o principal instrumento de trabalho dos profissionais da segurança. Muitas categorias já receberam isenção do ICMS para a compra do instrumento de trabalho, entre eles os taxistas, que podem adquirir veículos com impostos reduzidos, e nada mais justo do que esse benefício ser expandido para esses profissionais”, comentou Cabo Almi (PT), autor da proposta. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tio e adolescente são encontrados, mas criança continua desaparecida
CAMPO GRANDE
Tio e adolescente são encontrados, mas criança continua desaparecida
COVID-19
STF julgará ações sobre plano de vacinação do governo no próximo dia 17
REGIÃO
UFGD prorroga as inscrições do Vestibular da Educação a Distância
FUTEBOL
Fifa anuncia que Mundial de Clubes de 2021 será no Japão
CAPITAL
Mulher tem arma empurrada contra o pescoço durante assalto
JUSTIÇA
Autor de agressões que vitimaram jovem deve indenizar família da vítima
GOLPE
Homem perde cerca de R$ 19 mil ao tentar comprar carro pela internet
PRESIDÊNCIA
Mourão diz que parte dos assessores de Bolsonaro distorce fatos
BR-381
Ônibus irregular cai de viaduto e deixa 14 mortos em Minas Gerais
FUTEBOL
TJD/MS atende pedido do Comercial e suspende semifinal do Estadual

Mais Lidas

DOURADOS
Novo decreto não autoriza horário estendido do comércio em dezembro
TRÊS LAGOAS
Mãe vê menina com vizinho ao chegar do trabalho e descobre estupro
ECONOMIA
Pessoas que receberam auxílio emergencial irregular serão cobradas por SMS
PANDEMIA
Com novo óbito, Dourados confirma sexta morte por Covid em quatro dias