Menu
Busca domingo, 12 de julho de 2020
(67) 99659-5905
TRIBUTO

Prazo para declarar Imposto de Renda termina no dia 30

05 junho 2020 - 16h20Por Da Redação/Agência Brasil

Termina no dia 30 de junho, o prazo estendido pela Receita Federal para a declaração do Imposto de Renda. Inicialmente, a entrega ocorreria até 30 de abril. 

Segundo o secretário da Receita Federal, José Barroso Tostes Neto, apesar de a entrega das declarações neste ano estar em ritmo superior ao do mesmo período do ano passado, a Receita concordou em prorrogar o prazo depois de ouvir relatos de contribuintes confinados em casa com dificuldades em obter documentos na empresa ou de conseguir recibos com clínicas médicas para deduzirem gastos.

“O ritmo de entrega continua bom. Até ontem, tínhamos recebido 8,8 milhões de declarações, 400 mil a mais que no mesmo período do ano passado. Isso representa 27% do esperado. Porém decidimos pela prorrogação por demanda de contribuintes confinados em casa, mas que relatam a falta de documentos ou documentos que estão na empresa, no escritório ou na clínica. Eles estão com dificuldade momentânea de obter todos os documentos necessários”, explicou.

Sobre a possibilidade de rever o cronograma de restituição para quem já entregou a declaração, o secretário disse que ainda vai reavaliar a medida. Neste ano, a Receita tinha reduzido, de sete para cinco, o número de lotes de restituição e antecipado o primeiro lote de 15 de junho para 30 de maio.

Tostes também anunciou a total desoneração, por 90 dias, de Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sobre operações de crédito. A medida terá como objetivo baratear as linhas emergenciais de crédito já anunciadas pelo governo. Segundo ele, o governo deixará de arrecadar R$ 7 bilhões com a desoneração.

A última medida anunciada pelo secretário foi o adiamento das contribuições de abril e de maio para o Programa de Integração Social (PIS), o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) e da contribuição patronal para a Previdência Social, paga pelos empregadores. As parcelas só serão pagas de agosto a outubro, permitindo a injeção de R$ 80 bilhões na economia.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ISOLAMENTO
Como manter a saúde mental e reduzir a ansiedade durante a pandemia
DOURADOS
Dois são presos por tráfico de drogas após denúncia sobre quitinete
PRIMEIRA-DAMA
Michelle Bolsonaro diz que testou negativo para covid-19
REGIÃO
Homem morre ao ter moto atingida por caminhonete na região do Barreirão
PREVENÇÃO
Aprenda como cuidar de sua máscara de tecido
PANDEMIA
Brasil registra 1.071 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas
LOTERIA
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 44 milhões em sorteio nesta semana
CLIMA
Dourados deve ter domingo com temperatura máxima acima de 30 graus
TV DOURADOS NEWS
Partido Solidariedade em Dourados está pronto para as Eleições 2020
CRIME AMBIENTAL
Comerciante leva multa de R$ 37 mil por desmatamento em Bela Vista

Mais Lidas

ACIDENTE DE TRABALHO
Douradense morre após ser atingido na cabeça por peça de elevador de 20kg
DOURADOS
“Ele não conseguiu terminar o último plantão”, diz esposa de médico vítima da Covid
PANDEMIA
Em dia com quase 100 novos casos, Dourados tem mais uma morte por coronavírus
PANDEMIA
Pesquisadores veem medidas sem efeito e sugerem lockdown em Dourados