Menu
Busca quinta, 01 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
ESTELIONATÁRIA

Suspeita de comandar golpe de R$ 500 mil em MS é presa

11 junho 2015 - 08h34

O SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Três Lagoas, prendeu na quarta-feira (10), Luciana de Oliveira Sobrinho. Ela é apontada como a líder do grupo que lucrou mais de R$ 500 mil realizando empréstimos com documentos falsos, em nome de servidores públicos estaduais. As informações são do site Midiamax.

De acordo com o delegado Thiago José Passos, a prisão aconteceu em cumprimento ao mandado de prisão expedido há aproximadamente um mês, no nome de Luciana. Durante as investigações sobre o paradeiro dela, os policiais descobriram que ela estava morando em Araçatuba-SP, mas ainda mantinha relações em Três Lagoas.


“Recebemos a informação de que hoje [quarta-feira] é o aniversário de uma das filhas da suspeita. Então mondamos posto de observação próximo à casa de familiares e conseguimos surpreender ela”, relata o delegado.

Luciana e outras cinco pessoas foram presas no dia 28 de janeiro durante a Operação Stellium 21, mas foram liberados no dia 6 de fevereiro, ao final da prisão temporária. Em Três Lagoas, a prisão foi coordenada pelos delegados Thiago e Ailton Pereira de Freitas, que vão encaminhar Luciana a Deco (Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado).

Caso

A Operação revelou a quadrilha que atuava em Mato Grosso do Sul e no interior de São Paulo, realizando empréstimos no nome de servidores estaduais e usando fotos de idosos para falsificar documentos e assim sacar os benefícios sociais das vítimas.

No dia da operação, documentos falsificados, computadores, uma quantia de dinheiro falso, seis veículos, sendo uma Toyota SRV, um Golf com placas de Araçatuba (SP), uma moto Suzuki Yes, um Ford Fiesta e uma Hilux, foram apreendidos e outros dois carros bloqueados. Oito imóveis também foram bloqueados, entre eles duas casas, um motel e uma galeria de lojas em construção.


Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAN BADO
Dupla arma emboscada e mata jovem a tiros na fronteira
MS
Mercado de trabalho retoma contratações com destaque para indústria
NOVA ANDRADINA
Homem de 48 anos é multado em R$ 1 mil por maus tratos a cachorro
POLÍTICA
STJ nega pedido de Flávio Bolsonaro para anular decisões das 'rachadinhas'
IVINHEMA
Polícia Civil indicia mulher por provocar auto aborto em cidade de MS
UEMS
Projeto desenvolve "Sacolas de Inventar" para levar brincadeiras
CAMPO GRANDE
Polícia divulga foto de suspeito de assassinar garota de 18 anos a tiros
9ª REGIÃO MILITAR
Exército Brasileiro realiza a Operação Herácles de fiscalização em MS
CRIME AMBIENTAL
Pecuarista é multado em R$ 10 mil por manter duas antas em cativeiro
PANTANAL
Bombeiros superam cansaço e calor para controlar incêndios no Amolar

Mais Lidas

DECIBÉIS
Operação do Gaeco mira fraudes em licitações e cumpre cinco mandados em Dourados
INVESTIGAÇÃO
Policiais do Gaeco fazem nova operação em Dourados
DOURADOS
Gaeco deixa edifício com documentos apreendidos após mais de 5h
CAPITAL
Mulher com mandado de prisão em aberto é executada com oito tiros