Menu
Busca sábado, 25 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
NAUFRÁGIO

Operação para retirada do barco recupera só a hélice

03 outubro 2014 - 07h52

Durante mais uma tentativa de retirar o barco-hotel do Rio Paraguai nesta quinta-feira, dia 02 de outubro, a parte de traz da embarcação chegou a emergir na superfície, mas o cabo de aço rompeu. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o guindaste conseguiu resgatar apenas a hélice do barco.

A embarcação “Sonho do Pantanal” se dividiu em duas partes, o casco e cabine. A cabine está no fundo do rio, já o casco está entre três e seis metros de profundidade.

O Corpo de Bombeiros ainda informou que a embarcação já está se deteriorando por conta da forte correnteza do rio. Na operação, uma das lanchas paraguaias usadas no resgate acabou afundando, mas, foi retirada pelos mergulhadores, com o auxílio do guindaste. Ninguém se machucou.

###Acidente
O barco-hotel naufragou durante uma tempestade com ventos fortes que atingiu a cidade de Porto Murtinho, a 443 quilômetros de Campo Grande, no dia 24 de setembro. Estavam a bordo 26 pessoas, entre brasileiros e paraguaios. Doze conseguiram escapar, 13 corpos foram encontrados e uma pessoa continua desaparecida, sendo um paraguaio.

O 13º corpo, de um idoso de 71 anos, do Paraná, foi encontrado na manhã desta quinta-feira (2). Uma pessoa ainda está desaparecido, e, de acordo com familiares há a probabilidade de ser o comandante da embarcação. Bombeiros acrescentam que o corpo pode estar no fundo do rio.

###Naufrágio
Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), é possível que um tornado tenha atingido a região, provocando estragos e contribuindo para a ocorrência do acidente.

Desde domingo (28), as autoridades brasileiras suspenderam as buscas com mergulhadores na embarcação devido aos riscos que a ação oferecia. O trabalho, dos bombeiros brasileiros, é feito apenas na superfície do rio.

###Estragos
Durante a tempestade foram registradas também quedas de árvores e destelhamento de casas, segundo os bombeiros. O prefeito do município Heitor Miranda disse ao G1 que a Defesa Civil, bombeiros, Marinha, Exército e Assistência Social estão fazendo um levantamento dos danos causados.

###Turismo de pesca
O naufrágio aconteceu quando os turistas retornavam do último dia de pesca na região. Há poucos minutos de atracar, a aproximadamente 100 metros do cais, a embarcação foi atingida por uma tempestade e virou. Institutos de meteorologia apontaram que os ventos chegaram a 93 quilômetros por hora.

O grupo de turistas do norte do Paraná estava hospedado na chalana desde a última sexta-feira (19). Eles embarcaram na cidade de Carmelo Peralta, na fronteira do Paraguai com o Brasil. Esta foi a quarta vez que o grupo contratou os serviços da empresa para pescar no rio Paraguai.

###Sobreviventes
Um dos turistas que sobreviveram, o agricultor Valdecir Fernandes Freitas, 47 anos, descreveu ao G1 como foi o acidente. "O tornado veio de repente, passou e deixou a desordem dele. Passar por aqui agora, só de avião. Barco nunca mais. Agora rezamos para que os corpos dos nossos companheiros sejam encontrados", afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Duas mulheres morrem por Covid-19 em Dourados
PANDEMIA
Duas mulheres morrem por Covid-19 em Dourados
Secretário de Estado de Saúde recebe dose de reforço contra Covid-19
VACINA
Secretário de Estado de Saúde recebe dose de reforço contra Covid-19
NA RÚSSIA
Bia Ferreira atropela rival e garante ouro no Mundial Militar de Boxe
Em nove meses, multas do CCZ superam R$ 1,3 milhão
DOURADOS
Em nove meses, multas do CCZ superam R$ 1,3 milhão
União deve fornecer medicamento de alto custo à criança portadora de Amiotrofia Espinhal Progressiva
União deve fornecer medicamento de alto custo à criança portadora de Amiotrofia Espinhal Progressiva
TRT-MS
Juiz Tomás Bawden toma posse como desembargador do Trabalho na segunda-feira 
FLAGRANTE
Médico denunciado por cobrar cirurgia no SUS tem HC negado no STF
ESTADO
Comitê de Saúde discute uso do pregão eletrônico para compra de medicamentos pelo SUS
JUSTIÇA DO TRABALHO
MS tem mais de 350 audiências em três dias de conciliação e execução trabalhista
ECONOMIA
Microempreendedores têm menos de uma semana para regularizar dívidas

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é encontrado morto em casa por funcionária na Vila São Brás
RACISMO
Em SP, DJ Alok recorda exclusão de integrantes do 'Brô MCs' durante show em Dourados 
TRAGÉDIA 
Motociclista morre na BR-163 em Dourados após bater em uma capivara 
DOURADOS
Júri condena jovem que matou amiga com tiro na nuca e alegou 'acidente'