sexta, 14 de junho de 2024
Dourados
17ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
GLOBAL BIG DAY

MS volta a ficar no Top 10 em avistamento de espécies de aves

18 maio 2024 - 11h45Por Da Redação

Foram 24 horas de observação de aves e como sempre o Mato Grosso do Sul não ficou de fora e registrou 370 espécies. O Estado protagonizou entre os TOP 10 em registros de aves no Brasil, juntamente com outros estados como São Paulo, Mato Grosso, Santa Catarina, Minas Gerais, Amazonas, Paraná, Rio de Janeiro, Bahia e Espírito Santo.

Dos hotspots ‘TOP 10’ em maior números de espécies registradas, 50% estão em Mato Grosso do Sul, sendo eles: Fazenda São Francisco, Refúgio da Ilha Ecolodge, Fazenda Barranco Alto, Parque Estadual Várzeas do Ivinhema e Fazenda Alegria.

O Instituto Mamede de Pesquisa Ambiental e Ecoturismo, contribuiu com a mobilização e organização de uma rede de observadores de aves distribuídas pelo MS para o Global Big Day, envolvendo observadores de aves, instituições e coletivos como Avistar MS, as Cunhataí Guyra - Mulheres Observadoras de Aves do MS, Clubes de Observadores de Aves (COAs), Condutores de Aviturismo, além de Pousadas e Parques.

Essa equipe intergeracional e interinstitucional forma um grupo de apoio via whatsapp para distribuição de guia ilustrativo para identificação de aves, suporte de especialistas de identificação de aves, cursos rápidos de utilização de aplicativos como e-Bird e Merlin, tudo ativo nas 24 horas de observação de aves do Big Day.

Maristela Benites, atual presidente do Instituto Mamede e facilitadoras do Global Big Day em Mato Grosso do Sul, afirma que a observação de aves tem envolvido cada dia mais adeptos e amantes da natureza em prol da ciência cidadã e, desta forma, contribuído para a conservação ambiental e o turismo sustentável. “Soma-se a isso, a consolidação de destinos silvestres e os novos roteiros para o turismo de observação de aves apontados pelos diversos participantes do Global Big Day. A observação de aves revela a valorização da biodiversidade e aponta caminhos para a construção de territórios sustentáveis”.

Agora os observadores de aves do Mato Grosso do Sul se encontram em uma nova jornada: a participação no maior encontro de observadores de aves da América do Sul, Avistar Brasil, que acontece entre os dias 17 e 19 de maio, onde ministrarão palestras, oficinas, participarão de diálogos e farão passsarinhadas.

A Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul trabalha o birdwatching como um importante segmento de turismo e educação ambiental no Global Big Day, publicando campanhas redes sociais para incentivar observadores de aves, fotógrafos, ornitólogos, guias de turismo e amantes da natureza a catalogar seus avistamentos.

Segundo o diretor-presidente da FundturMs, Bruno Wendling, o Global Big Day é mais uma importante data da observação de aves. “O Global Big Day promove e mostra como o Mato Grosso do Sul abriga rica biodiversidade e possui importantes hotspots de Observação de Aves. E mais uma vez Mato Grosso do Sul está entre os TOP10 de hotspots brasileiros. Isso mostra a força do segmento e é um grande resultado para nosso Estado.”

"O Big Day é o coroamento da observação de pássaros que está em nosso olhar diário. Admirar as aves é enxergar toda conexão de vida e o ambiente físico. Tudo interligado. Estar num grupo que olha para o mesmo horizonte é ser acolhido em melhoria da nossa saúde mental. Que mais pessoas entrem nesse bando”, afirma Wander Laizo dos Santos, observador de aves.
Lucas Yanai, do Bird Bonito, complementa que o BigDay representa a união social em prol da observação de aves e todos saem ganhando. “A harmonia entre as aves com todos nós representa um cenário que gostaríamos de ver todos os dias: de união e conservação”.

Dourados

Suzana Arakaki, observadora de Dourados, conta como foi o Global Big Day por lá. “O BIG DAY em Dourados foi movimentado. 7 equipes se mobilizaram para observar e registrar aves em vários hotspots da cidade. O COA Dourados buscou contemplar a zona urbana e também os distritos. Na zona urbana, o Parque Municipal do Paragem revelou-se como local privilegiado para observação, com registros de várias aves, algumas novidades como o gavião pernilongo pela equipe Tuim. O Paragem é o único local com registros do tuim até o momento.

O hotspot Mata do Azulão, local de observação pela equipe Benedito de testa amarela, foi o local com mais espécies observadas. Localizado na zona urbana, a Mata do Azulão também conhecida como Fazenda Coqueiro, reúne mata atlântica e cerrado, os dois biomas característicos da vegetação no município de Dourados. Também na zona urbana, a Mata da Usina Velha e o Parque Antenor Martins foram os locais escolhidos pelas equipes Saci e Príncipe.

O hotspot Sítio Laranja Doce, localizado no distrito de Vila Vargas, foi local de observação de das equipes Sanã castanha e Acauã, que se alternaram durante o dia, com registros de muitas espécies. No distrito do Guassu a equipe Carrapateiro registrou novidades como o falcão relógio e caneleiro preto entre outras espécies no hotspost Pesqueiro Tio Sayuri.

Neste BIG DAY Dourados houve participação de crianças também. Na equipe Saci, Isaque e Rebeca puderam ver várias aves, inclusive o gavião pega macaco na companhia da tia birder Simone Arruda.

Na equipe Príncipe, Miguel e Gustavo observaram aves pela primeira vez com a vovó birder Suzana. Entusiasmados com a experiência, pediram à vovó para observar aves em outros lugares. Óbvio que a vovó já está programando novas aventuras com os pequenos”, relata Suzana.

Resultados em MS

Total de Espécies total registradas no e-bird para o MS no evento de 11 de maio: 371
Total de grupos: 37
Participantes total: Mais de 200 pessoas
Total de listas submetidas ao e-Bird: 155

Deixe seu Comentário

Leia Também

AQUIDAUANA

Ladrão invade casa, agride e amarra moradora durante roubo

POLÍTICA

Manifestantes vão às ruas contra PL que equipara aborto a homicídio

BONITO

Com carro furtado, motorista é parado a tiros ao tentar fugir da PM

SALÁRIO DE R$ 7,1 MIL

TJ/MS divulga gabarito oficial e resultado preliminar de concurso

Familiares pedem ajuda para encontrar Marcos Brandão que desaparecido
ORLA MORENA

Familiares pedem ajuda para encontrar Marcos Brandão que desaparecido

ACABOU A FERVURA?

El Niño chega ao fim, mas La Niña vem aí; saiba o que espera

Trabalhador fica ferido após cair em poço de cerca de seis metros

REPATRIADOS

Brasil vai receber da Suíça R$ 155 milhões recuperados de corrupção

CAMPO GRANDE

Homem é preso após fugir com filho e ameaçar atear fogo na casa da ex

JUDICIÁRIO

STJ anula provas contra dois investigados pela Lava Jato

Mais Lidas

HOMICÍDIO 

Douradense é encontrado morto com mãos e pés amarrados no interior do MT

DOURADOS

Interno é encontrado morto de joelhos na PED e caso é investigado

DECISÃO

Mesmo sem duplicação de pontos críticos, pedágios da BR-163 aumentam a partir desta sexta-feira

VENDA DE ALIMENTOS

Ministério Público pede fechamento de cantinas em presídios de MS