Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
LEVANTAMENTO

MS registra o menor índice de notificações de dengue

08 janeiro 2018 - 19h35

Mato Grosso do Sul fechou o ano de 2017 registrando o menor índice de notificações de casos de dengue. O último boletim epidemiológico apresentado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) aponta que até o dia 29 de dezembro, foram registradas 6.201 notificações da doença. Trata-se de um número expressivo se comparado ao ano de 2016, onde foram registradas 59.874 notificações e até mesmo 2013, ano mais epidêmico, com 102.026 notificações.

A partir de 2014, o Governo do Estado começou a intensificar as ações voltadas ao combate ao vetor, aumentando o número de capacitações em todos os municípios e realizando ações de combate ao foco do mosquito Aedes aegypti, vetor da doença. Entre as principais ações está a implantação da Sala Estadual de Situação em dezembro de 2015, criada para registrar os dados levantados a cada visita realizada pelo agente de endemias, direcionando assim as ações de redução dos criadouros do mosquito.

Em conjunto com o trabalho da Sala de Situação os cursos de capacitação para os profissionais que atuam no enfrentamento ao mosquito, foram intensificados em todos os 79 municípios, proporcionando a atualização da estrutura e operação em campo dos agentes.

De acordo com o coordenador estadual de controle de vetores, Mauro Lucio Rosa, as ações voltadas para o enfrentamento ao Aedes aegypti foram sendo intensificadas a cada ano, tendo como objetivo reduzir as notificações e conscientizar a população quanto aos cuidados com criadouros do mosquito. “O Estado implementou medidas anualmente para fechar cada vez mais o cerco contra o mosquito. Tivemos um grande avanço com a Sala Estadual de Situação, a sua implantação nas regionais do Estado e, principalmente, na capacitação dos profissionais envolvidos nas ações de endemias. Grande parte desta mobilização é também resultado da parceria com várias instituições e com a própria população que vem se conscientizando sobre os cuidados com o mosquito”, destaca.

Em novembro do ano passado, a SES lançou a Mobilização Estadual de Enfrentamento ao Aedes aegypti, onde foi lançado o Plano de Contingência de Enfrentamento ao Mosquito, que designa as ações durante o ano com a parceria de várias secretarias e instituições parceiras. A secretaria também entregou dois mil smartphones que servirão para atender os agentes de endemias dos 79 municípios.

Cada aparelho possui o sistema E-Visita instalado, que é um aplicativo desenvolvido exclusivamente para o registro de informações de endemias, incluindo a situação dos imóveis visitados e se há focos do mosquito. Em 2017, foram capacitados 27 técnicos, 79 coordenadores municipais de Controle de Vetores e 180 supervisores municipais de Controle de Vetores.

A Caravana da Saúde, projeto desenvolvido pelo Governo do Estado também realizou ações durante as suas edições, entre elas a mobilização em parceria com a Defesa Civil, Exército e Secretarias de Saúde dos municípios na limpeza de terrenos baldios e orientação à população sobre os cuidados contra o Aedes Aegypti.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASILEIRO SÉRIE D
Águia Negra empata no Mato Grosso e continua fora do G-4
POLÍTICA
Deputados sugerem medidas para reduzir mortes violentas no País
PONTA PORÃ
PF faz segunda maior apreensão de cocaína do ano em MS
DECISÃO
Dono de veículo com irregularidade no gravame será indenizado por danos morais
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda de 0,28% com estímulo e dados dos EUA no radar
EDUCAÇÃO
Uems e UFMG realizam encontro ‘Prosas Feministas’ nesta quinta-feira
APREENDIDO
Adolescente de 16 anos gerenciava 'boca de fumo' em cidade de MS
BRASIL
Pix poderá ser usado para recolhimento do FGTS
PANDEMIA
Coronavírus matou 76 indígenas em Mato Grosso do Sul; 11 são de Dourados
MS
Volume de droga apreendido pelo DOF em 2020 já é quase três vezes maior que em 2019

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente entre carreta e motocicleta mata mulher na BR-163
HOMICÍDIO EM 2013
Condenada pela morte do ex em Dourados é presa na Capital
DOURADOS
Motorista bêbado causa acidente em semáforo da Avenida Marcelino Pires
DOURADOS
Carona de motociclista que morreu em acidente com carreta corre risco de ter perna amputada