segunda, 22 de julho de 2024
Dourados
28ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
TRANSIÇÃO

MPMS faz reunião para tratar sobre serviço de oncologia em Dourados

26 setembro 2017 - 17h50

Reunião nesta segunda-feira, em Dourados, teve como principal objetivo discutir sobre o tratamento oncológico oferecido nos hospitais do município. O encontro foi organizado pelo MPE (Ministério Público Estadual),por meio dos Promotores de Justiça Eteocles Brito Mendonça Dias Junior e Ricardo Rotunno, titulares da 10ª e 16ª promotorias, respectivamente.

Eteocles esclareceu a existência de dois inquéritos civis que estão em andamento na 10ª Promotoria de Justiça.

O primeiro é o 06.2017.00000184-3 que tem como objeto "Averiguar as supostas negativas ou dificuldades de transferência, da rede pública de saúde de Dourados, para a unidade hospitalar de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia, com habilitação junto ao Ministério da Saúde para serviço de Hematologia na cidade de Campo Grande/MS".

Já o segundo, é o inquérito civil de nº 06.2017.00001417-1, que visa "Apurar a regularidade técnica e jurídica da política de transição da prestação de serviços médicos de Alta Complexidade em Oncologia na cidade de Dourados".

Em seguida, o promotor de Justiça Ricardo Rotunno esclareceu que a atuação do MPE se deu e se dará sempre em atenção àquilo que seja mais premente e atenda os anseios dos pacientes, sendo eles a razão maior da atuação ministerial. Além, textualmente assentou, de que não será admitida em hipótese alguma a politização da situação de atendimento oncológico em Dourados.

Para o Secretário Municipal de Saúde, Renato Vidigal, a municipalidade está cumprindo ordem judicial, e em hipótese alguma haverá interrupção de tratamento dos pacientes, independentemente de quem seja o prestador habilitado, ou mesmo na inexistência temporária do mesmo.

Na oportunidade, pacientes manifestaram as dificuldades encontradas para entrar em contato com a Secretaria Municipal de Saúde, bem como a demora no agendamento para atendimento oncohemacológico na cidade de Campo Grande. Diante destes impasses, ficou acordado que o Secretário Municipal de Saúde receberá pacientes e/ou representantes, no dia 02 de outubro de 2017, para que tome conhecimento das dificuldades enfrentadas pelos pacientes.

Na sequência, o grupo CTCD/CASSEMS, representado pelo médico David Rodrigues Infante Vieira, esclareceu que, dentro de 90 dias, estarão aptos a receber a demanda oncológica, e que até então o serviço ambulatorial/intercorrência vem sendo prestado satisfatoriamente no Hospital da Vida, não havendo fila de espera, tampouco negativa de atendimento.

O Superintendente do Hospital Evangélico de Dourados, Publio Eugênio Castro Vasconcelos, explicou que o hospital não abandonou os pacientes oncológicos outrora atendidos, mas que prestar tal serviço diante à remuneração da Tabela SUS seria insustentável.

Por sua vez, a Associação de Combate ao Câncer da Grande Dourados (ACCGD) pugnou pela participação mais ativa nas próximas reuniões e tratativas sobre o serviço oncológico, uma vez que se preocupa com o paciente e lida diariamente com as dificuldades enfrentadas por tais.

E, por fim, o Ministério Público Estadual e as Comissões de Defesa da Saúde da Assembleia Legislativa de MS, Câmara Municipal e OAB/MS solicitarão à Secretaria Estadual de Saúde outra reunião para tratar sobre o serviço de oncologia disponibilizado na cidade de Dourados, restando como data sugerida o dia 06 de outubro de 2017, período matutino para realização do ato.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Seis anos após crime, indivíduo que matou homem em frente a lava-jato é preso
CAPITAL

Seis anos após crime, indivíduo que matou homem em frente a lava-jato é preso

Conab recebe mais R$ 115 milhões para apoio à comercialização da agricultura familiar
BRASIL

Conab recebe mais R$ 115 milhões para apoio à comercialização da agricultura familiar

Funcionário de fazenda é mordido por jararaca e desmaia durante socorro
POLÍCIA

Funcionário de fazenda é mordido por jararaca e desmaia durante socorro

Traficante tenta fugir de abordagem policial e é apreendido com mais de 350 kg de entorpecente
BR-267

Traficante tenta fugir de abordagem policial e é apreendido com mais de 350 kg de entorpecente

Dez trabalhadores são resgatados de condições análogas à escravidão em MS
FORÇA-TAREFA

Dez trabalhadores são resgatados de condições análogas à escravidão em MS

COOPERATIVISMO

Projeto Juventude Cooperativista realiza ação na Escola Dr. Sidney Guerra, em Erechim (RS)

CONECTIVIDADE

Dez voos semanais ligarão Paris e Rio de Janeiro

AGROPECUÁRIA

Proposta determina ressarcimento a produtor rural em caso de perdas decorrentes da falta de luz

DEFESA AGROPECUÁRIA

Mapa descarta casos suspeitos de doença de Newcastle na zona de proteção estabelecida no RS

JUSTIÇA

Aberto prazo para transferência temporária de local de votação

Mais Lidas

VIOLÊNCIA

Para não divulgar fotos, padrasto obriga jovem a fazer sexo com ele

LOTERIA

Prêmio principal acumula e aposta de MS leva mais de R$ 58 mil na Mega-Sena

LOTERIA

Duas apostas de Dourados faturam mais de R$ 43 mil após Mega acumular mais uma vez

TURISMO

Descubra o Brasil pelos trilhos: roteiros ferroviários para as férias de julho