Menu
Busca sábado, 25 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
PROPINA

MP denuncia 27 pessoas em MS por venda de lotes da reforma agrária

19 setembro 2014 - 15h00

O MPF (Ministério Público Federal) em Mato Grosso do Sul denunciou à Justiça,23 trabalhadores rurais do Assentamento Estrela do Sul, em Angélica, pela venda de lotes da reforma agrária - um deles com a ajuda de quatro servidores do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária).

Ao todo, 10 lotes foram vendidos por valores entre R$12 mil e R$ 35 mil. A comercialização das terras é expressamente proibida em lei e pode levar vendedores e compradores à condenação por até 3 anos de detenção.

Durante as investigações policiais, realizadas em 2010, escutas telefônicas autorizadas pela Justiça registraram a negociação da “regularização” de um dos lotes. Quatro servidores do Incra, contatados pelo líder do assentamento, cobraram R$ 3 mil em propina para a emissão de uma declaração falsa de ausência de irregularidade na ocupação.

O documento ilegal chegou a ser apresentado à Polícia Federal pelos assentados.

Na denúncia encaminhada à Justiça, além da responsabilização dos trabalhadores pela venda ilegal dos lotes, o MPF pediu a condenação dos servidores públicos e do líder do assentamento por corrupção passiva, fraude processual e falsidade ideológica.

O casal de assentados envolvido tanto na venda do lote quanto na falsa regularização da terra devem responder por quatro crimes: invasão de terra destinada à reforma agrária, corrupção ativa, fraude processual e falsidade ideológica. A pena, para eles, pode chegar a 22 anos de prisão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO
Mulher é autuada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida
ANEEL
Conta de energia continua com bandeira vermelha em outubro
CAPITAL
Haitiano invade delegacia, detona viatura e dá prejuízo de R$ 25 mil
Inova Unigran inicia o evento "Investimento & Startup" na terça-feira
GERAL
Inova Unigran inicia o evento "Investimento & Startup" na terça-feira
Mulher inventa roubo de carro alugado e acaba autuada ao registrar BO
REGIÃO
TJ/MS implementará 100% dos serviços presenciais no dia 18 de outubro
VIOLÊNCIA
Homem volta com foice após falhar ao tentar matar homem a tiros
EDUCAÇÃO
UEMS realiza palestra sobre 'Leitura e Literatura para bebês e crianças'
BATAYPORÃ
Polícia Civil prende mulher condenada por tráfico de drogas
BRASIL
Ministro anuncia dose de reforço contra Covid a profissionais de saúde

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é encontrado morto em casa por funcionária na Vila São Brás
RACISMO
Em SP, DJ Alok recorda exclusão de integrantes do 'Brô MCs' durante show em Dourados 
TRAGÉDIA 
Motociclista morre na BR-163 em Dourados após bater em uma capivara 
DOURADOS
Júri condena jovem que matou amiga com tiro na nuca e alegou 'acidente'