Menu
Busca quarta, 27 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397
TECNOLOGIA

Lombadas eletrônicas em MS vão "entregar" carros furtados

16 fevereiro 2016 - 19h05

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MS) realizou nesta terça-feira (16) uma coletiva de imprensa, com o objetivo de apresentar o Centro de Controle Operacional (CCO) e o aperfeiçoamento do novo modelo de gestão está sendo implantado desde o início do ano de 2015.

A proposta do Detran-MS está focada em priorizar a qualificação do servidor público, investindo na mudança de comportamento, na virtualização de processos e na qualidade da prestação de serviços, com o uso de recursos tecnológicos e a readequação de procedimentos.

Com a modernização, a ideia é contribuir para a segurança do sul-mato-grossense, como por exemplo na implantação da fiscalização de irregularidades através das lombadas eletrônicas.

Neste caso, um veículo que for proveniente de roubo e passar em uma lombada administrada pelo Detran-MS, será detectado pelo CCO, que imediatamente entrará em contato com a polícia.

O Centro de Controle é o responsável pelo monitoramento de todas as ações que devem ser gerenciadas. Hoje o CCO, é capaz de monitorar desde os pátios de apreensão de todas as agências do órgão até o tempo que um servidor demora para atender um usuário.

Agilidade

A partir das diretrizes traçadas pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB) no início do seu mandato, foi realizado um levantamento e estabeleceu-se os indicadores que iriam nortear a implantação deste modelo de gestão.

“O nosso principal desafio foi dar mais agilidade e eficiência no atendimento ao cidadão, melhorar os procedimentos e os processos que fazem parte da rotina de trabalho. A partir destes desafios, começamos a implementar ações para diminuir as filas, como por exemplo, o desenvolvimento da virtualização dos processos, agendamento no emplacamento e vistoria, buscando a tecnologia como nossa aliada em prol da excelência no atendimento prestado”, afirma o diretor do órgão, Gerson Claro.

Para colocar em prática todas essas mudanças, o Detran-MS criou um escritório de projetos e através deste um grupo de trabalho para implantar a virtualização de processos, para propiciar mais agilidade, facilitar o acesso às informações pelo usuário, economia de custos e segurança na operacionalização de todos os processos internos e externos do órgão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Governo impede entrada de estrangeiros no país por terra e água
BALANÇO
TST fechou 2020 com mais processos julgados que em 2019
EDUCAÇÃO
Curso de Psicologia promove palestra on-line para tirar dúvidas dos recém-formados
REUNIÃO
Petrobras elege novo Diretor de Refino e Gás Natural
216 VAGAS
Fiems inaugura Edifício Garagem para atender unidades do Sesi e Senai na Capital
CULTURA
Prêmio Sesc de Literatura abre inscrições para edição 2021
OPINIÃO
Ignore o fardo e viva a vida
MATO GROSSO DO SUL
Frentistas discutem reajuste salarial e outros benefícios no domingo em Campo Grande
BRASIL
Ministério faz consulta pública sobre política de promoção da saúde
EDUCAÇÃO
IFMS reabre prazo de matrículas da 1ª chamada para cursos técnicos integrados

Mais Lidas

DOURADOS
Motorista envolvido em acidente fatal relata bebida ao depor e é liberado 
ACIDENTES
Trânsito de Dourados faz terceira vítima fatal no ano, todas motociclistas
CRIME
Vizinhança flagra suspeito pulando muro e evita furto em Dourados
BR-276
Carreta com quase dez toneladas de maconha é apreendida em Dourados