Menu
Busca quinta, 26 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
FARRA DA PUBLICIDADE

Justiça arquiva quatro ações contra deputado de MS

12 setembro 2017 - 14h05

A Justiça de Mato Grosso do Sul arquivou mais quatro ações contra o ex-governador e atual deputado federal, Zeca do PT, no caso que ficou conhecido como a "farra da publicidade'. Três das ações civis públicas são por conta das denúncias de supostas irregularidades com verbas da publicidade no governo petista e uma por enriquecimento ilícito.

Os processos foram arquivados pelos juiz da 2ª vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos de Campo Grande, David de Oliveira Gomes Filho.

As ações remontavam valores de R$ 3,9 milhões e foram arquivadas no último dia primeiro de setembro e devem ser publicadas nesta semana no Diário da Justiça.


O atual deputado Zeca do PT, já foi inocentado em outras ações em primeira instância e condenado em apenas um processo por improbidade administrativa em segunda instância, que encontra-se em grau de recurso no TJMS, que deve ser apreciado ainda este ano.

Outras ações que corriam na justiça comum, o Ministério Público Federal (MPF) recorreu e eles serão apreciados no Supremo Tribunal Federal (STF).

Deixe seu Comentário

Leia Também

SÃO GABRIEL
Jovem é presa ao pedir carona para transportar mochila com cocaína
CÓDIGO PENAL
Senado Federal aprova pena maior para crimes de racismo e homofobia
OPERAÇÃO SPARTACUS
Exército prende 2 pessoas, apreende 57 armas e 25 mil munições
POLÍTICA
Bolsonaro edita MP que isenta conta de luz para moradores do Amapá
NOVA ANDRADINA
Polícia Civil destrói 822 quilos de drogas no Vale do Ivinhema
REGIÃO
Startup-se Bioeconomia reúne jovens para identificar oportunidades
CAPITAL
Dependendo de moto para trabalhar, família tem veículo furtado
JUDICIÁRIO
STF adia decisão sobre remarcação de concursos por crença religiosa
Sobe para 41 o número de mortos em acidente no interior de São Paulo
UEMS
Thiago, de 21 anos, pesquisa as potencialidades da Guabiroba-verde

Mais Lidas

VIOLÊNCIA
Mulher esfaqueia ex após discussão em hotel no Centro de Dourados
DOURADOS 
Foragido, autor de homicídio condenado a 16 anos é preso no Novo Horizonte
CRIME BÁRBARO
Suspeita de esquartejar e colocar corpo de namorado em malas se entrega à polícia
IMPROBIDADE
Caso de vereador que perdeu mandato em Dourados tem desfecho no STJ