Menu
Busca terça, 26 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397
ANÁLISE

Friboi contraria Procon do Paraná e diz que não usa formol em seus produtos

07 dezembro 2015 - 18h05

A Friboi encaminhou nota se posicionando sobre a notícia veiculada na terça-feira passada (1) sobre supostos vestígios de formol encontrados em amostras de carne da empresa produzida na unidade de Naviraí, [relembre aqui](http://www.douradosnews.com.br/noticias/cidades/procon-do-pr-encontra-formol-em-carne-produzida-em-ms).

A informação foi repassada pelo Procon de Umuarama (PR) que em parceria com laboratório de uma universidade daquele Estado, teria apreendido carnes de vários frigoríficos, encontrando a substância tóxica apenas na marca referida.

Segundo a nota, a Friboi afirma que não utiliza “e nunca utilizou formaldeído (formol) na linha de produção de suas fábricas de carne bovina in natura”.

Ainda em nota, a empresa afirma que já prestou todos os esclarecimentos técnicos e enviou, em abril de 2015, ao Procon de Umuarama a documentação necessária que comprova que a fábrica nunca comprou a substância citada nos laudos. “Dessa forma, se o formol foi realmente identificado na amostra, a contaminação ocorreu após o produto ter deixado a fábrica”, relata outro trecho.

Por fim, a empresa reitera que possui rigorosos processos de qualidade e garantia de origem, com seus processos produtivos fiscalizados diariamente por veterinários do SIF (Serviço de Inspeção Federal), órgão governamental ligado ao Ministério da Agricultura.

Confira nota na íntegra:

A Friboi afirma que não utiliza e nunca utilizou formaldeído (formol) na linha de produção de suas fábricas de carne bovina in natura. A amostra de carne, coletada em outubro de 2014, pelo Procon de Umuarama (PR), foi produzida na unidade de Naviraí (MS). Essa, ou qualquer outra fábrica da marca, não utiliza qualquer tipo de conservante em suas linhas de produção in natura, o que elimina qualquer possibilidade de essa contaminação ter ocorrido dentro de uma unidade.

A Friboi destaca ainda que já prestou todos os esclarecimentos técnicos e enviou, em abril de 2015, ao Procon de Umuarama a documentação necessária que comprova que a fábrica nunca comprou a substância citada nos laudos. Dessa forma, se o formol foi realmente identificado na amostra, a contaminação ocorreu após o produto ter deixado a fábrica.

A companhia ressalta que é a maior interessada em esclarecer os fatos e, inclusive, já solicitou ao Procon informações sobre os procedimentos e critérios usados na realização dos testes. Até agora, os laudos apresentados por eles são inconclusivos e sequer indicam a suposta quantidade de formol identificada na amostra de carne testada.

A empresa informa ainda que não foi autuada nem recebeu qualquer tipo de multa, mesmo porque o processo ainda não foi encerrado. Tanto o processo do Procon quanto a defesa da companhia são públicos e podem ser acessados no Procon de Umuarama pelo número 1728/2014.

A Friboi reitera que possui rigorosos processos de qualidade e garantia de origem. Todas as fábricas têm seus processos produtivos fiscalizados diariamente por veterinários do Serviço de Inspeção Federal (SIF), órgão governamental ligado ao Ministério da Agricultura, que fiscaliza continuamente as questões relacionadas à segurança alimentar dentro do processo produtivo, e assim a Friboi garante a sanidade dos produtos enviados aos consumidores.



Deixe seu Comentário

Leia Também

Covid-19: 669 mil doses de vacina são distribuídas hoje, diz Saúde
IMUNIZAÇÃO
Covid-19: 669 mil doses de vacina são distribuídas hoje, diz Saúde
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Projeto institui política de incentivo ao turismo rural
ESPORTE
Decisão do título da Série B fica em aberto, após tropeço da Chape
IMUNIZAÇÃO
Anvisa envia ao STF informações sobre uso emergencial da Sputnik V
VERBA
No primeiro ano do Nota MS Premiada, repasses a municípios cresceram 10%
ECONOMIA
Falta de insumos atinge metade das indústrias da construção, diz CNI
ECONOMIA
Estados arrecadaram 2,14% a mais em 2020, diz ministério
ZONA RURAL
Durante temporal, 17 cabeças de gado morrem eletrocutadas em cidade de MS
REGIÃO
Secretaria estuda reativação da escola agrícola em assentamento de Rio Brilhante
CULTURA
Cantora de Dourados lança novo clipe em plataformas digitais 

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Vídeo mostra momento exato de acidente com vítima fatal em Dourados
DOURADOS
Motorista envolvido em acidente fatal relata bebida ao depor e é liberado 
TRAGÉDIA
Segundo acidente de trânsito com vítima fatal é registrado em Dourados
DOURADOS
Motociclista que morreu após colisão em cruzamento invadiu via preferencial