sábado, 04 de dezembro de 2021
Dourados
35°max
22°min
Campo Grande
32°max
21°min
Três Lagoas
37°max
23°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
ECONOMIA

Exportações de MS somam US$ 5,4 bilhões de janeiro a novembro

04 dezembro 2020 - 15h12Por Da Redação

Entre janeiro e novembro de 2020, Mato Grosso do Sul exportou 4,7 milhões de toneladas de soja, o montante é 45% maior que o mesmo período do ano passado e monstra o mercado externo aquecido para o grão brasileiro. As informações estão na Carta de Conjuntura do Setor Externo, divulgada pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).

A soja é o principal produto da balança comercial de Mato Grosso do Sul, sendo responsável por 29,5% de tudo o que é exportado. O grão teve participação considerável para que o Estado atingisse a marca de US$ 5,4 bilhões exportados em onze meses de 2020, com superávit de US$ 3,7 bilhões. Acesse a carta de conjuntura aqui.

“A desvalorização da moeda brasileira tem pesado na remuneração dos produtores e na competitividade dos itens. E em relação a soja, estamos aumentando a capacidade de processamento da soja internamente, o que também tem afetado nos preços elevados do grão. A tendência de alta na demanda se confirma, com quase metade da safra a ser colhida já comercializada”, explica o secretário Jaime Verruck, titular da Semagro.

A celulose segue sendo o segundo item mais exportado do Estado, que lidera no país o envio do produto ao exterior. Mas os destaques de 2020 ficam com os óleos e gorduras vegetais e animais, que tiveram as exportações aumentadas em 139% em relação ao ano passado. Também com resultado positivo está o açúcar, que de 197 mil toneladas exportadas em 2019 chegou a 995 mil em 2020, aumento de 366%.

O secretário Jaime Verruck chama a atenção para a necessidade de investir em logística. “As exportações mostram que discutir logística é de extrema importância no Estado. Praticamente todo o volume exportado vai para os portos de Santos e Paranaguá, via transporte rodoviário, que impossibilita dar a fluidez necessária que alguns produtos exigem, como é o caso do minério de ferro”, destaca.

Os portos de Santos e Paranaguá concentram as exportações de Mato Grosso do Sul, logística prejudicada pelo baixo calado do rio Paraguai. A seca histórica em 2020 suspendeu as exportações via Porto Murtinho e Corumbá, pressionando ainda mais o setor rodoviário.

Os números da balança comercial de janeiro a novembro mostram ainda que o Estado é dependente da demanda da China. Em 2020 o país foi responsável, até novembro, pela compra de 45% das exportações estaduais, com crescimento de 23% no consumo em relação ao ano passado. Os Estado Unidos aparecem em segundo, com 4,17% de total exportado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ministério oferece mais de 21,5 mil vagas para Médicos pelo Brasil
SAÚDE PÚBLICA

Ministério oferece mais de 21,5 mil vagas para Médicos pelo Brasil

Polícia prende homem por descumprimento de medida protetiva em Ponta Porã
REGIÃO

Polícia prende homem por descumprimento de medida protetiva em Ponta Porã

Congresso chama atenção para violência contra mulheres com deficiência
ILUMINAÇÃO ROXA

Congresso chama atenção para violência contra mulheres com deficiência

INTERNACIONAL

Especialista diz que infecções são leves em crianças sul-africanas

TRÊS LAGOAS

Acusado de tentativa de furto cai de telhado de 4 metros ao tentar fuga

TRAGÉDIA

Homem morre afogado em córrego em área rural de Campo Grande

INTERNACIONAL

Manifestantes marcham contra restrições da covid no noroeste da Europa

SEM DOCUMENTAÇÃO LEGAL

Cigarros eletrônicos avaliados em R$ 4 mil são apreendidos em Ponta Porã

JUSTIÇA

Julgamento de acusados no caso da Boate Kiss entra no quarto dia

IMUNIZAÇÃO

Ação no Capilé termina com cerca de 700 doses de vacinas aplicadas

Mais Lidas

DOURADOS

Presos em entreposto no Parque Alvorada usavam loja de celular como fachada para tráfico

CRIME

Operação contra o tráfico em Dourados levou 23 para delegacia e fechou "shopping" da droga

TRAGÉDIA

Trabalhador morre após queda de laje em Dourados

REGIÃO

Envio de 23t de maconha à São Paulo foi comemorado por 'patrão do tráfico' com prostituta de luxo