Menu
Busca terça, 04 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
SAÚDE

MS inicia 2020 com duas mortes por dengue e caso confirmado de leishmaniose

15 janeiro 2020 - 11h23Por Da Redação

Mais um paciente morreu vítima de dengue em Mato Grosso do Sul. Homem, de 30 anos, morador no bairro Nova Campo Grande, morreu neste domingo (12) no Hospital da Unimed na Capital. 

Segundo o Campo Grande News, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) já fez a contraprova do exame no Lacen (Laboratório Central), confirmando a doença. Segundo a pasta, os primeiros sintomas foram apresentados ainda no dia 30 de dezembro do ano passado. O rapaz foi internado no dia 7 de janeiro com insuficiência hepática e renal.

Esta pode ser a segunda morte da doença em Mato Grosso do Sul. No dia 9, Lucian Andrade, de 29 anos, morreu na Santa Casa de Corumbá, distantes 416 km de Campo Grande, com suspeita de dengue grave, porém a SES (Secretaria de Estado de Saúde) trata o caso como suspeita.

Conforme levantamento feito pelo site, Mato Grosso do Sul encerrou 2019 com 29 mortes provocadas pela doença. Campo Grande e Dourados haviam registrado oito mortes cada. Em Três Lagoas foram mais três óbitos, seguido por Coxim, com dois casos confirmados. Maracaju, Ponta Porã, Corumbá, Costa Rica, Amambai, Miranda e Cassilândia registraram uma morte cada.

Durante todo 2019, o Estado registrou 66.634 notificações da doença, maior índice nos últimos seis anos, com 40.362 casos confirmados.

LEISHMANIOSE

Além da dengue, a leishmaniose já fez vítima no Estado. A Secretaria Municipal de Saúde de Três Lagoas confirmou o primeiro caso da doença em MS neste ano após a internação de mulher de mulher de 32 anos, no Hospital Auxiliadora. As informações são do JP News.

A vítima apresentou os primeiros sintomas da doença em outubro de 2019, mas o resultado positivo foi laudado pelos médicos apenas agora, no mês de janeiro. A mulher passa por tratamento.

Em 2019 a cidade de Três Lagoas registrou dez casos da doença em humanos, com três mortes. Entre as vítimas está uma bebê de um ano de idade, além de uma mulher de 76 e um idoso de 71.

Uma dessas pessoas continua internada no hospital e tem 69 anos. Segundo a Secretaria, a idosa foi internada no dia 12 de dezembro, também no Hospital Auxiliadora.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Polícia recolhe filhote de jacaré abandonado por adolescentes em Pet Shop
ESTADO
Governo investe mais de R$ 5,3 milhões em bolsas de estudo com foco no avanço da ciência e da tecnologia
REGIÃO
Casal de traficantes capota veículo com bebê e mais de 350 kg de maconha
BRASIL
Resultado da segunda chamada do Prouni já está disponível
SAÚDE & BEM - ESTAR
Hipnose clínica: saiba seus benefícios e indicações
DOURADOS
Polícia prende autor de roubo a motorista de aplicativo de transporte
EDUCAÇÃO
UNIP POLO DOURADOS-MS
DOURADOS
Nova leva de multas do CCZ pela Lei da Dengue passa de R$ 120 mil
DOURADOS
Gestante é agredida com chutes durante assalto e sofre tentativa de estupro
ESTADO DE ATENÇÃO
Há quase um mês sem chuvas expressivas, Dourados tem alerta por baixa umidade do ar

Mais Lidas

TRÁFICO DE DROGAS
Força Aérea persegue pilotos que sobrevoavam MS com mais de 1 t de cocaína
DOURADOS
Quatro pessoas são presas acusadas de fazerem parte de facção criminosa
CORONAVÍRUS
Dourados confirma o 57º óbito e chega a 4.357 casos registrados desde o início da pandemia
DOURADOS
Condutor de veículo que atropelou ciclista e fugiu sem prestar socorro é identificado